Topo

Esporte

"Benzema é selecionável", diz presidente da Federação francesa

06/10/2016 12h42

Paris, 6 out (EFE).- A polêmica envolvendo o atacante Karim Benzema em um caso de chantagem contra o meia Mathieu Valbuena parece não ter fim e ganhou mais um capítulo nesta quinta-feira, quando o presidente da Federação Francesa de Futebol (FFF), Noël Le Graët, garantiu que o atleta do Real Madrid pode ser convocado para a seleção.

"Benzema é selecionável. Me horroriza castigar as pessoas eternamente. O caso segue seu curso, e pessoalmente acho que está atrasado demais", disse o dirigente em entrevista publicada pelo jornal "Le Figaro".

Foi o presidente da FFF que em março deste ano excluiu Benzema da seleção em nome da harmonia da equipe, depois que a juíza que investiga a chantagem a Valbuena acusou o centroavante de ser cúmplice dos autores do crime. A intenção era manter o grupo em equilíbrio pensando na Eurocopa, da qual os 'Bleus' foram anfitriões e vice-campeões.

O principal responsável pelo futebol francês sempre protestou pela lentidão da justiça, ao mesmo tempo em que elogiou o futebol do atacante.

"Gostamos muito do jogador, e com a seleção nunca criou problemas. Didier (Deschamps) sempre o defendeu, inclusive quando não marcava gols. Começou bem a temporada, vamos ver o que acontece", destacou o mandatário da FFF, deixando nas mãos do técnico a decisão de contar ou não com o atacante do Real Madrid.

Le Graët falou também sobre a possibilidade de Zinedine Zidane vir a treinar a seleção francesa e não a descartou, mas frisou que está satisfeito com o trabalho de Deschamps, cujo contrato terminará após a Copa do Mundo de 2018.

"Ele está indo bem no Real Madrid, e estou contente por isso. Mostrou sua qualidade, conhece o jogo. Algum dia, certamente pode ser técnico", afirmou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte