Esporte

Conmebol investigará denúncia de que recebeu propina na Copa América de 2007

10/10/2016 18h04

Assunção, 10 out (EFE).- O presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, afirmou nesta segunda-feira que ordenou a abertura de uma investigação para apurar a denúncia feita pelo ex-prefeito de Maracaibo, Giancarlo Di Martino, de que a entidade recebeu US$ 1 milhão para que a cidade sediasse a final da Copa América de 2007

"Condeno energicamente a corrupção do passado que tanto dano fez ao futebol sul-americano. Dentro de nosso compromisso em esclarecer as contas e fazer justiça, ordenei que sejam investigadas a fundo estas graves denúncias", disse Domínguez em comunicado.

Na semana passada, Di Martino declarou que teve que pagar US$ 1 milhão a dirigentes da Conmebol para que a final da Copa América acontecesse em Maracaibo. O ex-prefeito apontou Eugenio Figueredo, vice-presidente da entidade na época, como principal interlocutor da negociação.

O mandatário naquele ano era o paraguaio Nicolás Leoz, que assim como Figueiredo foi um dos vários protagonistas de um grande escândalo de corrupção que sacudiu a Fifa em 2015. Ambos foram acusados pela justiça dos Estados Unidos de receber milionárias propinas e comissões e atualmente esperam o início do julgamento do caso no país enquanto cumprem prisão em regime domiciliar.

Domínguez reiterou que "um dos pilares de reforma na nova Conmebol é fazer justiça para o futebol sul-americano" e destacou outros três: "conhecer a verdade da corrupção da Conmebol no passado, buscar a restituição correspondente perante a justiça e blindar o futebol contra a corrupção para que estes abusos não se repitam".

A Copa América de 2007, que foi disputada de 26 de junho a 15 de julho, teve a final disputada no estádio Pachencho Romero e foi conquistada pelo Brasil com vitória por 3 a 0 sobre a Argentina.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo