Esporte

Com atenção dividida, Coritiba encara Nacional de Medellín pela Sul-Americana

18/10/2016 16h24

Curitiba, 18 out (EFE).- Dividido entre o sonho de conquistar um título internacional pela primeira vez e a apreensão pelo risco de ser rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, o Coritiba entrará em campo nesta quarta-feira para enfrentar o Nacional de Medellín, atual campeão da Taça Libertadores, em jogo de ida pelas quartas de final da Copa Sul-Americana.

O time paranaense vinha em situação relativamente tranquila no Brasileirão, mas não vence há três rodadas, com duas derrotas e um empate, e caiu para a 15ª colocação, com 37 pontos, apenas dois a mais que o Vitória, que abre a zona de descenso.

Com isso, o torcedor coxa-branca não vem tendo muita tranquilidade para comemorar a campanha da equipe na Sul-Americana, em que eliminou justamente o Leão da Bahia na fase nacional e passou de maneira emocionante pelo Belgrano nas oitavas. Depois de ter perdido por 2 a 1 em casa, o Coritiba devolveu o placar na Argentina e avançou levando a melhor na disputa de pênaltis.

O técnico Paulo César Carpegiani, ainda não confirmou se usará força máxima ou poupará alguns jogadores pensando na fuga contra a degola. Os defensores César Benítez e Nery Bareiro, suspensos no Brasileirão, deverão jogar, enquanto o atacante Kléber, recuperado de lesão no pé, provavelmente ficará no banco.

A dupla de ataque deverá ser formada por Leandro e Kazim-Richards, municiados pelo meia Raphael Veiga, revelação do Coxa na temporada e que desperta o interesse do Palmeiras.

O visitante já não conta com várias peças que fizeram parte da campanha vitoriosa na Libertadores deste ano, mas ainda assim será um oponente de bastante força. Mesmo sem vários titulares, que viajaram para o Brasil ainda na semana passada, o Nacional goleou o Atlético Huila por 4 a 0 pelo Torneio Finalización do Campeonato Colombiano, do qual é líder.

O zagueiro e capitão Alexis Henríquez foi o único dos frequentes titulares que permaneceu na Colômbia por estar suspenso. O panamenho Roderick Miller será o substituto.

A partida de volta acontecerá no próximo dia 26, em Medellín, e quem se classificar terá pela frente nas semifinais Cerro Porteño ou Independiente Medellín.



Prováveis escalações:.

Coritiba: Wilson; César Benítez, Nery Bareiro, Luccas Claro e Juninho; João Paulo, Edinho, Juan e Raphael Veiga; Leandro e Kazim-Richards. Técnico: Paulo César Carpegiani

Nacional de Medellín: Armani; Bocanegra, Miller, Nájera e Díaz; Arias, Uribe, Guerra e Macnelly Torres; Berrío e Borja. Técnico: Reinaldo Rueda.

Árbitro: Roberto Tobar (Chile), auxiliado pelos compatriotas Carlos Astroza e Claudio Ríos.

Estádio: Couto Pereira, em Curitiba.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo