Esporte

Mourinho reclama do assédio em Manchester: "Meio que um desastre"

26/10/2016 14h35

Londres, 26 out (EFE).- O técnico português José Mourinho admitiu que ainda não se adaptou a viver em Manchester, onde comanda o United, sem a companhia da família, que preferiu ficar em Londres e diante do assédio que sofre de jornalistas e fotógrafos.

"Para mim é meio que um desastre, porque às vezes quero andar um pouco pelas ruas, mas não posso. Quero atravessar a ponte para ir a um restaurante, mas não posso. Então é muito ruim. Ás vezes tenho que pedir comida por aplicativos", disse o comandante, em entrevista à "Sky Sports".

De acordo com Mourinho, que vive em um luxuoso hotel no centro da cidade, o grande problema são os fotógrafos que passam o dia monitorando seus passos, tentando flagrá-lo em qualquer situação fora do ambiente de trabalho.

"Vocês sabem como é a história dos 'paparazzi'. Para o hotel e para a marca de roupa que me patrocina, é maravilhoso, porque os fotógrafos estão lá todos os dias", brincou o 'Special One'.

Mourinho, de 53 anos, assumiu o comando do Manchester United em julho, após assinar contrato de três anos, com opção de ampliar o vínculo por mais um. Com salário anual de 10 milhões de libras (R$ 37,8 milhões), o técnico está vivendo sozinho.

A mulher, Tami, e os dois filhos preferiram ficar em Londres. Matilde, de 20 anos, porque estuda em uma universidade londrina, e José Júnior, de 17, pois passou a atuar nas divisões de base do Fulham, que disputa a segunda divisão inglesa.

"Já estão em uma idade em que não podem vir mais atrás de mim, como faziam antes. Pela primeira vez, a família está vivendo de forma diferente, portanto, vamos tentar ver como fica isso tudo e como podemos encarar essa situação", disse o técnico.

Ao mesmo tempo em que vive problemas de adaptação ao novo local em que vive, Mourinho também vem tendo dificuldades dentro das quatro linhas. No fim de semana passado, o Manchester United foi goleado pelo Chelsea, fora de casa, por 4 a 0.

Os Diabos Vermelhos ocupam a sétima colocação na tabela, com 14 pontos, seis atrás do líder da competição, o Manchester City.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo