Esporte

Mourinho volta a ser acusado de má conduta pela FA

01/11/2016 15h01

Manchester, 1 nov (EFE).- O técnico do Manchester United, José Mourinho, foi acusado nesta terça-feira de má conduta pela Federação Inglesa de Futebol (FA) por sua exclusão durante o empate sem gols no último sábado, pelo Campeonato Inglês.

Essa é a segunda acusação que o treinador português recebe em uma semana. Na quinta-feira passada, o organismo máximo do futebol da Inglaterra abriu expediente contra 'Mou' pelos comentários feitos sobre o árbitro Anthony Taylor antes do duelo com o Liverpool, no estádio Anfield Road, no último dia 17.

"Supostamente, no túnel de vestiários, durante o intervalo, (Mourinho) empregou um vocabulário abusivo e/ou insultante contra o árbitro", informou a FA através de um comunicado. Especula-se que Mourinho poderia ser suspenso por até quatro partidas devido a estes dos expedientes.

No sábado, Mourinho foi excluído pelo árbitro Mark Clattenburg por protestar com veemência devido a um possível pênalti de Jon Flanagan, do Burnley, em cima de Matteo Darmian. O treinador tem até a próxima sexta-feira para apelar.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo