Esporte

Ela voltou: Marta volta à lista do prêmio da Fifa após ausência em 2015

03/11/2016 13h05

Redação Central, 3 nov (EFE).- Maior vencedora da história do prêmio da Fifa de melhor jogadora do mundo, com cinco troféus, mas deixada de fora da lista de dez candidatas no ano passado, Marta voltou a figurar na relação neste ano, conforme anunciado nesta quinta-feira pela entidade que rege o futebol mundial.

Eleita de 2006 a 2010, Marta concorre com a americana Carli Lloyd, que recebeu a honraria no ano passado, além de três campeãs olímpicas no Rio de Janeiro em agosto, as alemãs Melanie Behringer, Sara Daebritz e Dzsenifer Marozsán.

Também estão na disputa as francesas Camille Abily e Amandine Henry, a sueca Lotta Schelin, prata no Rio, a japonesa Saki Kumagai e a canadense Christine Sinclair.

A vencedora será anunciada na cerimônia de entrega dos prêmios The Best da Fifa, no dia 9 de janeiro, em Zurique. O organismo lembrou que a eleita será determinada mediante uma votação combinada, na qual 50% da decisão será baseada nos votos emitidos pelas capitãs e os treinadores das seleções femininas de todo o mundo.

A outra metade será calculada mediante uma votação pública na qual participarão os torcedores e um grupo de mais de 200 jornalistas especializados dos cinco continentes.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo