Esporte

"Futebol é o que há de mais democrático no planeta", diz Ronaldo

08/11/2016 21h20

Cidade do México, 8 nov (EFE).- O ex-jogador Ronaldo, o 'Fenômeno', que nesta terça-feira entrará para o Hall da Fama do futebol na cidade mexicana de Pachuca, afirmou que o futebol é o que há de mais democrático que existe no mundo porque oferece oportunidades a todos.

"O futebol é o que há de mais democrático que existe no planeta, é para todos e não nega oportunidades a ninguém", disse o brasileiro em entrevista coletiva na qual se disse contente pela distinção recebida.

Outro a ser homenageado foi o italiano Paolo Rossi, campeão com a Itália no Copa do Mundo de 1982, que destacou a transformação do esporte.

"É uma grande honra para mim, nunca teria pensado (em ser incluído no Hall da Fama) há 30 anos, para mim é fantástico. O futebol cresceu muitíssimo desde que eu era jogador e muda a cada geração. O aspecto mercadológico influi de muitas maneiras", disse Rossi.

Junto com Ronaldo e Rossi, entrarão para o Hall da Fama os ex-jogadores Zico e Ricardo Ferreti, atual técnico do Tigres, e o alemão Karl-Heinz Rummenigge, além dos mexicanos Claudio Suárez e Jared Borgetti, do espanhol Telmo Zarra, da jogadora chinesa Sun Wen, do comentarista José Luis Lamadrid e do dirigente do América do México Francisco Hernández.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo