Esporte

Rosberg resiste à pressão e é campeão em Abu Dhabi no adeus de Massa

27/11/2016 13h30

Redação Central, 26 nov (EFE).- O alemão Nico Rosberg, da Mercedes, chegou em segundo lugar neste domingo no Grande Prêmio de Abu Dhabi, atrás do companheiro de equipe, o britânico Lewis Hamilton, e conquistou o primeiro título da carreira na Fórmula 1, em corrida marcada pelo adeus de Felipe Massa à categoria.

Rosberg, de 31 anos, largou na mesma posição em que terminou a eletrizante prova, confirmando o troféu, pois poderia chegar até em terceiro para garantir o título. Hamilton, que foi pole position e cumpriu a obrigação de ganhar a corrida, depois de dominar todo o fim de semana, mas acabou com o vice.

O título do alemão veio com pressão até os últimos metros de prova, com Hamilton mantendo os rivais próximos, para tentar fazer com que o rival fosse ultrapassado. Rosberg, contudo, conseguiu segurar a posição à frente do alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, que terminou em terceiro, e do holandês Max Verstappen, da Red Bull, quarto colocado.

Nico Rosberg, com o resultado, é o primeiro campeão inédito desde 2010, quando Vettel ergueu pela primeira vez o troféu. Além disso, é o segundo filho a ser campeão da categoria, repetindo o feito do pai, o finlandês Keke Rosberg, alcançado em 1982. Antes, o britânico Damon Hill, em 1996, igualou o pai, Graham Hill, que venceu em 1962 e 1968.

O novo campeão da Fórmula 1 terminou com 385 pontos no topo da tabela de classificação, apenas cinco a mais que Hamilton, com 380. Na terceira colocação, embora muito distante dos dois primeiros, o australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, que terminou em quinto na corrida deste domingo, totalizou 256 pontos.

O finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, foi o sexto colocado em Abu Dhabi, seguido pelos pilotos da Force India, o alemão Nico Hülkenberg e o mexicano Sergio Pérez, que ocuparam o sétimo e oitavo lugar, respectivamente.

Após uma emocionante despedida da torcida brasileira no circuito de Interlagos há duas semanas e uma festa de homenagem organizada pela Williams no sábado, Felipe Massa largou em 10º lugar e concluiu sua participação na categoria com a nona posição em Abu Dhabi e a 11ª na classificação geral, com 53 pontos.

Desde que estreou na Fórmula 1, em 2002, o brasileiro disputou 251 corridas, venceu 11 e subiu ao pódio 41 vezes. Aos 35 anos, Massa dá adeus à competição com passagens por três equipes: Sauber, Ferrari, pela qual foi vice-campeão mundial em 2008, e Williams.

A partir de 2017, o finlandês Valtteri Bottas passará a ter como companheiro de equipe o jovem canadense Lance Stroll, de 18 anos, anunciado pela Williams no início deste mês como substituto de Massa.

O também brasileiro Felipe Nasr, da Sauber, terminou na 16ª posição, o penúltimo lugar entre os pilotos que completaram a prova, e encerrou a temporada na 17ª colocação, com os dois pontos conquistados no GP do Brasil. O brasiliense ainda tem futuro indefinido na categoria para o ano que vem.

Outra possível despedida da Fórmula 1 é a do inglês Jenson Button, da McLaren, que abandonou a prova devido a um problema na direção dianteira e pode ter encerrado assim a trajetória na Fórmula 1, com 305 corridas e 15 vitórias.

Campeão em 2009, pela Brawn GP, Button já havia anunciado que teria um ano sabático e seria reserva da equipe na próxima temporada, sendo substituído pelo belga Stoffel Vandoorne, mas nada garante que voltará a competir na categoria.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo