Esporte

Zagueiro Neto continua em situação "muito crítica" após acidente aéreo

05/12/2016 19h47

Bogotá, 5 dez (EFE).- O zagueiro Neto, um dos três jogadores da Chapecoense que sobreviveram ao acidente aéreo da madrugada de terça-feira na Colômbia, continua em situação "muito crítica", informaram nesta segunda-feira os médicos que o atendem em Medellín.

"Neto continua em uma condição muito crítica, sob sedação profunda. Estamos controlando um processo infeccioso pulmonar, produto possivelmente de uma broncoaspiração", afirmou o diretor do Hospital San Vicente Fundación, Ferney Rodríguez.

Segundo o médico, o zagueiro teve um trauma importante no tórax e está respirando com ajuda de aparelhos. O fato de Neto ter sido resgatado quase oito horas depois do acidente foi o que mais o prejudicou. Por isso, os pulmões do jogador seguem comprometidos.

"Essas oito horas foram muito fortes para o corpo dele. O que nos preocupa é seu estado pulmonar, sofreu uma contusão, ou seja, um trauma dentro do pulmão", explicou Rodríguez.

O diretor do Hospital San Vicente Fundación afirmou que os outros dois jogadores sobreviventes, o goleiro Jackson Follmann e o lateral-esquerdo Alan Ruschel, além do jornalista Rafael Henzel, seguem internados na unidade de terapia intensiva (UTI).

"Todos permanecem na UTI e permanecerão lá. Como dissemos, foi um acidente muito forte. Eles sofrem de politraumatismo e a condição ainda é delicada. Então, eles precisam de acompanhamento próximo", disse Rodríguez.

Sobre Follmann, que teve a perna direita amputada, Rodríguez disse que sua situação evolui adequadamente. "Hoje esperamos revisar mais profundamente o estado da amputação da perna direita, avaliar bem os ferimentos e definir se é necessário fazer algo especial. Em geral, a situação é boa", afirmou.

Já o jornalista Rafael Henzel, que também sobreviveu ao acidente, sofre de uma infecção. O diretor do Hospital San Vicente Fundación, porém, disse que uma cirurgia está descartada por enquanto.

"Rafael está tranquilo. A dor está mais controlada com os analgésicos que estamos fornecendo. Estamos controlando um processo infeccioso e, por enquanto, não se considera que seja necessário levá-lo à cirurgia", detalhou.

Ruschel está consciente e estável, segundo o médico, e tendo uma recuperação "muito positiva" após ter passado por uma cirurgia na coluna. "Esperamos para poder fazer ele sentar e se movimentar um pouco mais. Avaliamos as tomografias que fizemos hoje e constatamos que a cirurgia da coluna segue com evolução muito boa", disse.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo