Esporte

Torneos y Competencias pagará multa de US$ 113 milhões para fechar caso FIFA

13/12/2016 19h26

Nova York, 13 dez (EFE).- A empresa argentina envolvida no escândalo de corrupção da Fifa, Torneos y Competencias, negociou um acordo com as autoridades dos Estados Unidos e pagará quase US$ 113 milhões de multa para encerrar o caso.

Especializada em transmitir eventos esportivos, a Torneos y Competencias admitiu ter subornado funcionários da Fifa para obter os direitos das Copas do Mundo de 2018, 2022, 2026 e 2030, disse a Promotoria Federal do Distrito Leste de Nova York em nota.

Além da multa, de US$ 112,8 milhões, a empresa argentina também se comprometeu a continuar colaborando com a investigação das autoridades e a melhorar seus controles internos para evitar práticas corruptas no futuro.

"É outra passo importante em nossos esforços para desmascarar a corrupção no futebol e envia uma mensagem clara às empresas para não tentar usar nosso sistema financeiro para se enriquecer através de subornos", disse o promotor federal Robert Capers.

O ex-presidente da Torneos y Competencias, Alejandro Burzaco, já tinha aceitado pagar em novembro uma multa de US$ 21,6 milhões por causa de várias acusações de lavagem de dinheiro e fraude eletrônica.

"Essa empresa argentina, que agora tem uma nova direção, terá a oportunidade de mudar a maneira de fazer negócios no mundo de futebol no futuro", destacou Capers na mesma nota.

A Torneos y Competencias é uma das empresas envolvidas no escândalo de corrupção que atingiu a Fifa. Vários ex-dirigentes da entidade estão sendo investigados nos EUA por causa do caso.

O juiz Raymon Dearie, responsável pelo caso em um tribunal do Brooklyn, propôs que o julgamento comece entre setembro e outubro do próximo ano. A obtenção de provas e a negociação de acordos com alguns dos envolvidos seguem em andamento.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo