Esporte

Volante do Arsenal é acusado de racismo por funcionário de aeroporto

Reprodução/Instagram
Xhaka foi acusado por um funcionário do aeroporto em Londres Imagem: Reprodução/Instagram

24/01/2017 16h48

O volante suíço Granit Xhaka, do Arsenal, foi interrogado após ter sido acusado por um funcionário do Aeroporto de Heathrow de ter feito insultos racistas contra ele, conforme veiculou nesta terça-feira a imprensa britânica.

Os detalhes do ocorrido não foram divulgados pela polícia londrina, apenas que tudo aconteceu na noite de segunda-feira, e que, por volta de 19h29 local (17h29 de Brasília), os agentes que atuam no aeroporto foram acionados no Terminal 5.

Xhaka, de 24 anos, estava no local para acompanhar um amigo que estava voltando para a Alemanha, após visitá-lo. Depois da chegada dos policiais, o suíço foi encaminhado para uma delegacia da capital britânica.

"Não foi detido e se dirigiu para uma delegacia no oeste de Londres, onde foi interrogado", diz nota divulgada pela polícia local.

O Arsenal divulgou que não se pronunciará sobre o assunto, já que se trata de um assunto particular, que está sendo tratado pelas autoridades.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo