Esporte

Após 0 a 0 na ida, Celta e Alavés lutam por 1ª final em 16 anos

07/02/2017 14h38

Vitoria-Gasteiz/Vigo (Espanha), 7 fev (EFE).- Alavés e Celta de Vigo se enfrentarão nesta quarta-feira no estádio Mendizorroza, na cidade de Vitoria-Gasteiz, em jogo de volta pelas semifinais da Copa do Rei, para definir qual das duas equipes quebrará um jejum de 16 anos sem disputar uma final.

O time galego, que terá a vantagem de decidir em casa, foi vice-campeão da Copa da Uefa (atual Liga Europa) em 2001, quando perdeu para o Liverpool na morte súbita, após emocionante empate em 4 a 4 no tempo normal em Dortund.

No mesmo ano, o Celta foi à final justamente da Copa do Rei e, com os brasileiros Everton Giovanella, Edu e Catanha em campo, perdeu para o Zaragoza por 3 a 1 no Estádio Olímpico de La Cartuja, em Sevilla. Jamelli marcou de pênalti o segundo gol do campeão.

Após o 0 a 0 na ida, no estádio Balaídos, a eliminatória está aberta. Quem vencer estará na decisão do dia 27 de maio, enquanto um empate com gols beneficiará o Celta. Se o placar ficar em branco novamente, haverá prorrogação e, se necessário, disputa de pênaltis.

O Alavés chega ao jogo com o moral elevado depois de ter batido o Sporting Gijón por 4 a 2 em El Molinón no último domingo, o que o manteve na 12ª colocação do Campeonato Espanhol.

Além disso, a equipe dirigida pelo argentino Mauricio Pellegrino está invicta na Copa do Rei e com isso deixou pelo caminho Nàstic, Deportivo La Coruña e Alcorcón.

Pellegrino escalará força máxima, incluindo o atacante brasileiro Deyverson, emprestado pelo Levante e que nesta temporada marcou cinco gols, todos pelo Campeonato Espanhol. Grande reforço para a segunda parte da temporada, o meia Óscar Romero provavelmente começará no banco.

No Celta, o grande assunto da semana é o adiamento do jogo contra o Real Madrid, que aconteceria no último domingo, mas chuvas torrenciais em Vigo danificaram parte do teto no Balaídos. O time da capital protestou e disse que o duelo deveria acontecer em outro estádio.

Se fora de campo a remarcação gerou desgaste, para os atletas e o técnico Eduardo Berizzo, serviu de descanso e para uma melhor preparação para a semifinal. Nesse período, o zagueiro Cabral, que era a única dúvida do treinador, se recuperou de uma lesão muscular e aparecerá na formação inicial.



Prováveis escalações:.

Alavés: Pacheco, Femenía, Laguardia, Feddal e Theo; Llorente e García; Ibai, Camarasa e Toquero; Deyverson. Técnico: Mauricio Pellegrino.

Celta de Vigo: Álvarez; Mallo, Cabral, Roncaglia e Jonny; Radoja, Díaz e Hernández; Wass, Bongonda e Iago Aspas. Técnico: Eduardo Berizzo.

Árbitro: Mateu Lahoz.

Estádio: Mendizorroza, em Vitoria-Gasteiz.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo