Esporte

Lateral do Tottenham admite que recusou proposta milionária de clube chinês

15/02/2017 13h39

Londres, 15 fev (EFE).- O lateral-esquerdo inglês Danny Rose, do Tottenham, admitiu, em entrevista publicada nesta quarta-feira, que recusou proposta milionária para atuar no Shanghai SIPG, da China, que tem como técnico o português André Villas-Boas, ex-comandante do time londrino.

"Não jogo futebol só para me divertir. Quero ganhar títulos. Quando eu tiver 34 ou 35 anos, quero olhar para trás e ver que consegui levantar troféus", disse o defensor da seleção da Inglaterra, ao jornal "The Sun".

De acordo com a imprensa britânica, o SIPG ofereceu o equivalente a 14,5 milhões de libras (R$ 55,4 milhões) por ano a Rose. Ao Tottenham, o montante chegaria a 38 milhões de libras (R$ 145,1 milhões).

Nas últimas semanas, o lateral-esquerdo foi apontado como alvo de Manchester City e Manchester United. O jogador, no entanto, garantiu que quer seguir no clube de Londres e conseguir conquistar títulos.

"Esse é o passo seguinte para esta equipe. Para conseguir alcançar isso, temos que manter o elenco assim pelo máximo de tempo possível. Não vou me distrair pensando em outras coisas", concluiu o defensor inglês.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo