Esporte

Shakhtar é econômico mas bate Celta na Espanha; Tottenham perde na Bélgica

16/02/2017 18h07

Redação Central, 16 fev (EFE).- O Shakhtar Donetsk jogou para o gasto, não mostrou a veia artilheira da fase de grupos, mas bateu nesta quinta-feira o Celta de Vigo por 1 a 0, fora de casa, e deu passo importante para ir às oitavas de final da Liga Europa, em dia de revés do Tottenham e bons resultados de Lyon e Fiorentina.

A equipe ucraniana, que marcou 21 gols na etapa anterior da competição - e mais quatro em eliminatória preliminar -, acabou ficando no placar mínimo, em partida que contou com seis brasileiros em campo ao longo de todos os 90 minutos.

A rede do Celta, aliás, balançou em jogada com participação quase total de jogadores do país. Aos 27 do primeiro tempo, Fred recuperou bola na intermediária defensiva, serviu Taison e recebeu na frente. O volante lançou Marlos, que disparou, driblou o goleiro Álvarez, mas bateu em cima de Bongonda. No rebote, o argentino Gustavo Blanco bateu para o gol aberto e marcou.

Além do trio, Ismaily e Dentinho começaram jogando, com o ex-atacante do Corinthians saindo no intervalo. Já o meia-atacante Bernard entrou nos minutos finais do segundo tempo, entrando na vaga de Taison, enquanto Márcio Azevedo foi para o jogo nos acréscimos da etapa final, substituindo Marlos.

O Tottenham, um dos oito "repescados" da Liga dos Campeões da Europa, ao terminar na terceira posição de uma das chaves, voltou a decepcionar em competições continentais, ao perder para o Gent, na Bélgica, por 1 a 0.

O gol isolado da partida foi marcado pelo atacante francês Jérémy Perbet, aos 14 minutos da etapa complementar.

Já o Lyon, que hoje atuou desfalcado do lateral-direito Rafael, ex-Fluminense e Manchester United, passou sem dificuldades pelo AZ Alkmaar por 4 a 1, fora de casa, e deu passo importante para se classificar às oitavas de final.

O meia Lucas Tousart abriu o marcador aos 26 do primeiro tempo. Aos 47, Alexandre Lacazette ampliou. O atacante francês fez o terceiro aos 12 da etapa complementar. O time holandês descontou com o atacante iraniano Alireza Jahanbakhsh, de pênalti, aos 23 do segundo tempo. No finzinho, o meia Jordan Ferri fez o quarto.

Outro visitante que se deu bem foi a Fiorentina, que derrotou na Alemanha o Borussia Mönchengladbach por 1 a 0. O jogo foi decidido por uma linda cobrança de falta do meia Federico Bernardeschi, que acertou o ângulo do goleiro suíço Yann Sommer, aos 44, do primeiro tempo.

Entre os anfitrões, o Rostov se deu bem, goleando em seus domínios o Sparta Praga por 4 a 0. Os gols da equipe russa foram marcados pelo zagueiro esloveno Miha Mevlja, pelo atacante Dmitri Poloz, o meia equatoriano Christian Noboa e pelo atacante iraniano Sardar Azmoun.

Na Grécia, o Olympiacos ficou no empate com o Osmanlispor, da Turquia, em 0 a 0. O time da casa atuou por pouco mais que 25 minutos com um homem a menos, devido a expulsão do zagueiro Bruno Viana, ex-Cruzeiro.

Ainda nesta quinta-feira, o Ludogorets, com quatro brasileiros no time titular e mais cinco na reserva, perdeu na Bulgária para o Copenhague por 2 a 1. Já Astra Giorgiu e Genk empataram em 2 a 2, na Romênia.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo