Esporte

Deschamps diz que portas da seleção não estão fechadas para Benzema

AFP PHOTO / FRANCK FIFE
Imagem: AFP PHOTO / FRANCK FIFE

Da EFE

01/03/2017 11h47

O técnico da seleção francesa, Didier Deschamps, garantiu, em entrevista publicada nesta quarta-feira, que o atacante Karim Benzema, envolvido em caso de chantagem a um companheiro, não está com portas fechadas atualmente.

"Se avaliar que é pelo bem da seleção convocar Karim, eu o farei", disse o comandante "bleu" ao jornal "Le Parisien".

De acordo com Deschamps, os interesses da equipe nacional, atual vice-campeã europeia, estão "acima de tudo".

Benzema está afastado desde outubro de 2015, quando foi acusado de participar de chantagem contra o meia Mathieu Valbuena, na concentração da seleção, por causa de um vídeo com conteúdo sexual do companheiro.

O técnico garantiu ao "Le Parisien" que não guarda qualquer "rancor" do comandado, a quem definiu como um dos melhores atacantes da França, mas que chegou a criticá-lo publicamente. Segundo Deschamps, outros jogadores que o questionaram, voltaram a seleção posteriormente.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo