Esporte

Ex-presidente da Federação Salvadorenha de Futebol é condenado a prisão

06/03/2017 22h01

San Salvador, 6 mar (EFE).- O ex-presidente da Federação Salvadorenha de Futebol (Fesfut), Reynaldo Vásquez, envolvido no escândalo de corrupção da Fifa, foi condenado nesta segunda-feira a oito anos de prisão pelos crimes de apropriação e retenção das cotas trabalhistas em prejuízo de cerca de cem pessoas.

A sentença aplicada ao ex-dirigente determina que ele deverá devolver o dinheiro retido ilegalmente. Segundo os promotores, o montante passa dos US$ 400 mil. Por isso, alguns imóveis de Vásquez serão sequestrados para que sejam leiloadas, e o dinheiro resultante da venda seja usado para ressarcir os afetados.

De acordo com a acusação, Vásquez e um de seus irmãos eram representantes legais de uma empresa que se apropriou das cotas trabalhistas dos empregados na companhia. Atualmente, há um pedido de extradição da Justiça dos Estados Unidos para ex-dirigente que já foi autorizado pela Corte Suprema de Justiça.

Vásquez foi preso em 16 de dezembro de 2015 pela Divisão de Elite contra o Crime Organizado da Polícia e entregue à Interpol no mesmo dia. Segundo o Departamento de Justiça dos EUA, o ex-presidente da Fesfut recebeu dinheiro da empresa Media World em troca da venda dos direitos de transmissão da seleção de El Salvador nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo