Esporte

Malásia proíbe seleção de disputar partida em Pyongyang

06/03/2017 11h35

Bangcoc, 6 mar (EFE).- A Federação de Futebol da Malásia anunciou nesta segunda-feira que o governo proibiu a seleção nacional de disputar um jogo contra a Coreia do Norte, marcado para 28 de março em Pyongyang e válido pelas Eliminatórias para a Copa da Ásia de 2019.

A reação das autoridades malaias ocorre em um momento de tensão diplomática entre ambos os países pelas críticas do regime da Coreia do Norte à investigação sobre a morte de Kim Jong-nam, irmão mais velho do líder norte-coreano, Kim Jong-un, em Kuala Lumpur.

O embaixador da Coreia do Norte em Kuala Lumpur, Kang Chol, precisará abandonar o país nesta segunda-feira, após o Ministério das Relações Exteriores o declarar "persona non grata" no sábado e o conceder um prazo de 48 horas para sair do território malaio.

Kang Chol foi visto cerca de duas horas antes do fim do período estabelecido quando saía do edifício da delegação diplomática em um carro oficial escoltado pelas autoridades.

O diplomata criticou a investigação das autoridades malaias, que concluíram que Kim Jong-nam morreu em 13 de fevereiro após ser atacado no aeroporto de Kuala Lumpur por duas mulheres que esfregaram o agente químico VX em seu rosto.

Pyongyang afirma que a morte foi causada por um ataque cardíaco e acusou as autoridades malaias de conspirarem com seus inimigos.

O vice-primeiro-ministro da Malásia, Ahmad Zahid Hamidi, acusou Kang Chol de querer manipular o crime, que segundo as autoridades da Coreia do Sul foi realizado por agentes norte-coreanos.

Até o momento, as autoridades malaias detiveram e acusaram as duas mulheres por assassinato, sendo uma indonésia e uma vietnamita. Também foi detido um químico norte-coreano que foi liberado sem acusações e deportado na sexta-feira.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo