Esporte

Fifa espera resolver polêmica com a AFA o mais rápido possível

09/03/2017 15h58

Londres, 9 mar (EFE).- O presidente da Fifa, Gianni Infantino, afirmou nesta quinta-feira que espera resolver o mais rápido possível a polêmica envolvendo a Associação do Futebol Argentino (AFA) para selecionar os candidatos para as eleições presidenciais da entidade no próximo dia 29 de março.

A Fifa informou neste mês que a AFA pode ser punida se não aceitar que a Conmebol intermediasse a seleção de candidatos para o pleito. No entanto, a AFA determinou que um colegiado de advogados de Buenos Aires, e não o Comitê de Ética da Conmebol, será responsável por determinar a idoneidade dos postulantes ao cargo.

"Infelizmente, a Argentina passou por um período muito, muito complicado. Fomos obrigados a nomear um comitê de normalização, que é algo muito raro para um país tão torcedor de futebol como a Argentina. No entanto, parece que agora já há acordo sobre os estatutos. Fica uma questão aberta que esperamos resolver em breve", disse Infantino após uma reunião da Fifa em Londres.

"Tenho certeza que as eleições ocorrerão de forma apropriada e democrática. Que um novo presidente será eleito e que não haverá necessidade de tomar medidas drásticas", indicou Infantino.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo