Esporte

Bandeiras olímpicas viajam para apoiar recuperação do nordeste japonês

10/03/2017 10h23

Tóquio, 10 mar (EFE).- As bandeiras dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020 foram levadas ao nordeste do Japão, em um gesto com o qual a organização busca apoiar a recuperação da área seis anos depois do devastador tsunami do dia 11 de março de 2011.

Os símbolos fizeram nesta semana um tour pela cidade de Ishinomaki, uma das mais afetadas pelo devastador tsunami que seguiu o potente terremoto de 9 graus na escala Richter, e que deixaram mais de 18 mil mortos e desaparecidos.

Na passagem pela cidade portuária japonesa, Tóquio 2020 levou suas bandeiras à escola Teizan, que serviu como centro de evacuação durante o desastre.

O Comitê Organizador de 2020 se envolveu em uma série de iniciativas locais com as quais pretende contribuir para a recuperação da área.

O Japão lembra neste sábado o sexto aniversário do terremoto, que gerou um devastador tsunami que desencadeou a segunda pior crise nuclear da história em Fukushima.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo