Esporte

Empresários chineses demonstram interesse em investir no Colo-Colo

Divulgação
Imagem: Divulgação

Da EFE, em Santiago (Chile)

31/03/2017 13h33

O presidente do Colo-Colo, Aníbal Mosa, está em processo de negociação para vender suas ações do clube a um grupo de empresários chineses, informou nesta sexta-feira o jornal El Mercurio.

Se a negociação evoluir, os empresários chineses, que não foram identificados pela publicação, ficarão com os 29,8% de participação que pertencem a Mosa atualmente. O dirigente não confirmou nem negou a informação.

"Não posso dizer nada a respeito porque assinei um compromisso de confidencialidade", explicou o mandatário do clube chileno ao jornal.

Reprodução
Anibal Mosa, presidente do clube, despistou a respeito de possibilidade Imagem: Reprodução

Outras fontes do Colo-Colo, que também não se identificaram, disseram que não tinham autorização para divulgar o nome do grupo investidor.

"O que se pode antecipar é que Aníbal (Mosa) está pensando seriamente porque é uma oferta conveniente. Se for concretizada, o negócio será feito nestes dias", detalhou uma fonte.

Se a oferta dos chineses for aceita, Mosa não perderá necessariamente a posição no alto comando da Blanco y Negro, a empresa que administra o Colo-Colo, pois se manteria no cargo pelo menos por mais um ano, em uma etapa de transição.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo