Esporte

Sport tenta eliminar time estrangeiro na Sul-Americana pela 1ª vez

05/04/2017 17h00

Recife, 5 abr (EFE).- Em sua quinta participação consecutiva na Copa Sul-Americana, o Sport estreará nesta quinta-feira contra o Danubio e quer um bom resultado na Ilha do Retiro para enfim eliminar um adversário estrangeiro na competição continental.

Até agora, o Leão foi eliminado duas vezes logo na primeira fase, que até o ano passado tinha confrontos entre equipes brasileiras, e duas vezes nas oitavas de final. Agora, diante do 12º colocado do Torneio Apertura do Campeonato Uruguaio, tem a chance de enfim quebrar esse jejum.

Em 2013, o time levou a melhor em duelo caseiro, vencendo o Náutico nos pênaltis, mas logo depois caiu diante do Libertad, do Paraguai. Um ano depois, deixou a competição logo no começo, tendo sido derrubado pelo Vitória. Em 2015, deixou o Bahia para trás, mas foi superado pelo Huracán da Argentina, enquanto no passado foi batido pelo rival Santa Cruz.

Desde a semana passada, o Sport tem no comando o técnico Ney Franco, que sabe o que é ser campeão da Sul-Americana, já que dirigiu o São Paulo na conquista de 2012. "Tenho a chance de conseguir o título novamente, estou em um time com condições de lutar por isso", declarou o treinador.

A equipe pernambucana chega para o confronto internacional com moral depois de ter se classificado para as semifinais da Copa do Nordeste no último domingo. Derrotado pelo Campinense por 3 a 1 na Paraíba, o Leão devolveu o placar na Ilha, com direito a gol de bicicleta de Diego Souza, e obteve a vaga entre os quatro melhores nos pênaltis. A luta para ir a decisão será frente ao Santa Cruz.

Ney Franco deverá fazer apenas duas trocas em relação ao jogo do fim de semana. Mena assumirá a titularidade na lateral esquerda, e Everton Felipe entrará no meio-campo em lugar de Rodrigo.

No Brasil desde segunda-feira, o Danubio vem de um empate com o Plaza Colonia em 0 a 0 pelo Apertura, no qual faz campanha ruim e está à frente de apenas quatro dos 16 concorrentes.

O treinador Gastón Machado conta com dois brasileiros no elenco, os meio-campistas Rodrigo de Oliveira e Diogo Silvestre, mas nenhum deles viajou com a delegação. O nome mais conhecido de 'La Franja' é o atacante Juan Manuel Olivera, que atuou pelo Náutico em 2013.



Prováveis escalações:.

Sport: Magrão; Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Durval e Mena; Fabrício, Rithely, Everton Felipe e Diego Souza; Rogério e André. Técnico: Ney Franco.

Danúbio: Cristóforo; Peña, Malrechauffe, De los Santos e Olaza; Zarfino, Fernández, Gravi e González; Oliveira e Ardaiz. Técnico: Gastón Machado.

Árbitro: Jorge Baliño (Argentina), auxiliado pelos compatriotas Lucas Germanotta e Gabriel Chade.

Estádio: Ilha do Retiro, no Recife.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo