Esporte

Com vantagem do empate, Atlético visita Leicester que venceu todas em casa

17/04/2017 14h43

Leicester (Inglaterra), 17 abr (EFE).- Após vencer o jogo de ida por 1 a 0 no Vicente Calderón, o Atlético de Madrid contará com a vantagem do empate na disputa por uma vaga nas semifinais da Liga dos Campeões nesta terça-feira, ao visitar um Leicester que venceu todas as partidas em casa pelo torneio.

Atual vice-campeão, o clube espanhol construiu um resultado seguro em casa na jogo de ida pelas quartas de final, graças ao pênalti convertido por Antoine Griezmann, e mantém um bom retrospecto como visitante nesta edição da 'Champions', com três vitórias em quatro partidas.

Além disso, dos 45 resultados do 'Aleti' no torneio ao longo da era Diego Simeone, apenas um placar foi uma derrota por mais de um gol de diferença: a marcante derrota por 4 a 1 na prorrogação da final de 2014, mas com um empate em 1 a 1 no tempo regulamentar.

Por outro lado, os 100% de aproveitamento no King Power Stadium até agora dão à equipe inglesa a motivação necessária para acreditar na chance de chegar ainda mais longe na competição e manter o sonho de terminar a temporada com um título, após o péssimo início de campanha que tirou o time da disputa pelo Campeonato Inglês.

Com um time titular bem definido, o Atlético não tem dúvidas atrás. Oblak, como goleiro, deverá compor a defesa com Juanfran, Savic, Diego Godín e Filipe Luís. No ataque, o incontestável Griezmann, autor de 24 gols na temporada, formará a dupla de ataque com Fernando Torres. Kevin Gameiro, de volta após cinco jogos afastado por uma tendinite, começará no banco.

Para o meio também não estão previstas mudanças, com Ferreira Carrasco e Koke pelos lados e Gabi e Saúl Ñíguez mais recuados, mas Giménez pode ser uma alternativa como volante caso seja necessário.

O renovado Leicester, que não conseguiu estender a sequência de seis vitórias seguidas após Craig Shakespeare assumir o time, vem de duas derrotas para Everton e Atlético e um empate com o Crystal Palace, mas confia no fator casa para se recuperar.

Shakespeare ganhou para a partida decisiva o "reforço" do capitão e principal nome da zaga, Wes Morgan, que desfalcou a equipe nos últimos seis jogos devido a uma lesão nas costas. A presença do veterano central se torna ainda mais importante porque o também titular Robert Huth precisará cumprir suspensão.

O zagueiro Yohan Benalouane, que foi substituído com dores durante o empate em 2 a 2 com o Crystal Palace no sábado, se recuperou a tempo e será o parceiro de Morgan na defesa.

Além de Huth, outra ausência certa é o meia Nampalys Mendy, que continua no departamento médico. O atacante Islam Slimani, que não treinou na segunda-feira, continua como dúvida para a partida.

.

Prováveis escalações:.

Leicester: Schmeichel; Simpson, Benalouane, Morgan e Fuchs; Drinkwater, Ndidi, Albrighton e Mahrez; Okazaki e Vardy. Técnico: Craig Shakespeare.

Atlético de Madrid: Oblak; Juanfran, Savic, Godín e Filipe Luís; Gabi, Saúl, Koke e Carrasco; Griezmann e Torres. Técnico: Diego Simeone.

Juiz: Gianluca Rocchi (Itália), auxiliado pelos compatriotas Elenito Di Liberatore e Mauro Tonolini.

Estádio: King Power, em Leicester (Inglaterra).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo