Esporte

Monaco busca revanche contra Juventus por eliminação de 2015, diz dirigente

Reuters / Eric Gaillard
Imagem: Reuters / Eric Gaillard

21/04/2017 12h27

O vice-presidente do Monaco, Vadim Vasilyev, afirmou que a semifinal da Liga dos Campeões contra o Monaco será "uma revanche" das quartas de final de 2015, quando os italianos levaram a melhor e avançaram no torneio.

"Há dois anos eles já eram muito fortes e agora são ainda mais, mas nós também. Aquele foi um confronto decidido por pequenos detalhes", disse o dirigente à emissora "beIN".

À época, a equipe italiana venceu o jogo de ida por 1 a 0, com gol de Arturo Vidal, em Turim, e segurou o empate em 0 a 0 fora de casa na segunda partida para se classificar.

Vasilyev analisou que, "pelo estilo de jogo, (a Juventus) será um adversário difícil", mas comentou que do ponto de vista do clima "será ótimo", já que as duas cidades são muito próximas.

"Vamos enfrentar a Juve com todas as nossas forças. A essa altura da competição, qualquer rival que fosse sorteado seria complicado", declarou.

O dirigente, encarregado da direção do clube pelo proprietário, o multimilionário russo Dmitry Rybolovlev, pediu aos torcedores do Monaco que compareçam em massa ao Stade Louis II para repetir a atmosfera da partida de volta das quartas de final, que terminou com vitória por 3 a 1 sobre o Borussia Dortmund na quarta-feira passada.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo