Esporte

Conmebol abre processo disciplinar contra Peñarol, Palmeiras e 4 jogadores

28/04/2017 17h50

Assunção, 28 abr (EFE).- A Conmebol abriu um procedimento disciplinar contra Peñarol, Palmeiras e quatro jogadores devido à briga generalizada na partida entre as duas equipes disputada em Montevidéu pela Taça Libertadores, informou nesta sexta-feira a máxima autoridade do futebol sul-americano.

Os jogadores são Felipe Melo, do Palmeiras, e Matias Mier, Lucas Hernández e Nahitán Nández, por parte do Peñarol.

Após o jogo, vencido de virada pelo Palmeiras por 3 a 2 na última quarta-feira, no estádio Campeón del Siglo, alguns jogadores das duas equipes protagonizaram uma briga no campo.

O clima de violência chegou depois às arquibancadas, onde torcedores dos dois times se jogaram objetos.

Por causa dos incidentes, hoje prestaram depoimento à Justiça uruguaia os jogadores Nahitán Nández, Junior Arias, Matías Mier e Yeferson Quintana, do Peñarol.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo