Topo

Esporte

Palmeiras demite técnico Eduardo Baptista e Cuca está na mira

05/05/2017 00h37

São Paulo, 4 mai (EFE).- Atual campeão brasileiro, o Palmeiras demitiu no final da noite desta quinta-feira o técnico Eduardo Baptista, um dia após a derrota sofrida por 3 a 2 para o Jorge Wilstermann-BOL, em Cochabamba (Bolívia), em jogo válido pela quinta rodada do grupo 5 da Taça Libertadores.

Poucas horas depois do retorno da delegação palmeirense para a capital paulista, a diretoria do clube afirmou que após uma reunião, foi determinada a saída do treinador, que assumiu a equipe em dezembro do ano passado, quando Cuca decidiu pedir demissão após conquistar o título brasileiro.

Eduardo Baptista dirigiu o Palmeiras em 23 partidas, com 14 vitórias, quatro empates e cinco derrotas, mas acabou sendo eliminado nas semifinais do Campeonato Paulista para a Ponte Preta.

Já na Taça Libertadores, lidera o grupo 5 com dez pontos, restando uma rodada para o fim.

Nesta sexta-feira, a equipe paulista será treinada pelo técnico interino Cláudio Prates e depois da atividade, o presidente do clube, Mauricio Galiotte, concederá uma entrevista coletiva, onde poderá anunciar o substituto de Eduardo Baptista.

O favorito para assumir o comando do Palmeiras é o próprio Cuca, que após cinco meses, poderia retornar ao clube onde conquistou seu primeiro titulo brasileiro como treinador.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte