Esporte

Galo vai em busca da liderança do grupo 6 em "final" contra Godoy Cruz

15/05/2017 13h46

Belo Horizonte, 15 mai (EFE).- O Atlético Mineiro, já garantido nas oitavas de final da Taça Libertadores, definirá nesta terça-feira a posição final no grupo 6, em "final" com o Godoy Cruz, da Argentina, que será disputada no estádio Independência.

O Galo está na segunda posição da chave, com dez pontos, um atrás do adversário nesta sexta rodada. Quem avançar na liderança terá direito de jogar segunda partida em casa, na próxima fase da competição, em que os confrontos serão sorteados, diferente do que aconteceu nos últimos anos.

Além disso, a partir das quartas, um ranking das equipes sobreviventes, levando em conta o desempenho nos grupos, será levado em conta para definir o mando das partidas, com os melhores nesta classificação, tendo direito de atuar em seus domínios na volta.

Com isso, o Atlético, que estreou neste sábado empatando com o Flamengo em 1 a 1, no Maracanã, não pensa em poupar jogadores para o confronto com o Godoy Cruz, embora o técnico Roger Machado tenha diversos problemas para montar o time titular.

O lateral-direito Carlos César e o zagueiro Leonardo Silva, ambos lesionados, e o volante Rafael Carioca, suspenso, estão fora da partida. Por outro lado, o titular do lado destro da defesa, Marcos Rocha, que não encarou o rubro-negro devido desgaste muscular, deverá retornar ao 11 inicial.

Além disso, Felipe Santana deverá aparecer mais uma vez na zaga, como já havia acontecido no Maracanã, enquanto Yago é favorito para ser utilizado no setor de proteção do meio, ao lado de Adílson.

Outra dúvida que paira na Cidade do Galo é quanto a condição psicológica do goleiro Victor, que perdeu o pai na madrugada desta segunda-feira. O corpo foi velado e sepultado na cidade de Santo Anastácio, no interior de São Paulo, no mesmo dia.

O zagueiro Gabriel, o lateral-esquerdo Fabio Santos, os meias Elias e Juan Cazares, e a dupla formada por Robinho e Fred no ataque, deverão completar o time titular atleticano para o confronto desta terça-feira.

O Godoy Cruz, diferente da equipe brasileira, deixou vários titulares na Argentina. O meia Angel González, suspenso, está fora, mas os zagueiros Leonel Galeano e Sebastián Olivares, os volantes Fabián Henríquez e Gastón Giménez, além do atacante Javier Correa, não viajaram por opção da comissão técnica.

Outra das alternativas para o ataque, Santiago García, que fez os dois gols na vitória do time sobre o San Martín por 2 a 1, pela 24ª rodada do Campeonato Argentino, deverá ser poupado e ficar na reserva. Assim, Fernando Núñez seria o homem de frente da equipe.



Prováveis escalações:.

Atlético Mineiro: Victor (ou Giovanni); Marcos Rocha (ou Ralph), Felipe Santana, Gabriel e Fabio Santos; Yago, Adilson e Elias; Cazares, Robinho e Fred. Técnico: Roger Machado.

Godoy Cruz: Rey; Viera, Abecasis, Angileri e Ortíz; Poyet, Serrano, Sánchez e Maximiliano Correa; Garro e García (ou Núñez). Técnico: Lucas Bernardi.

Estádio: Independência, em Belo Horizonte.

Árbitro: Michael Espinosa (Peru), auxiliado pelos compatriotas Victor Raez e Stephen Atoche.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo