Esporte

Torres faz 2, e Atlético de Madrid dá adeus ao Vicente Calderón com vitória

21/05/2017 14h53

Madri, 21 mai (EFE).- Em sua última partida no estádio Vicente Calderón, o Atlético de Madrid venceu o Athletic Bilbao por 3 a 1, com dois gols de Fernando Torres, pela rodada final do Campeonato Espanhol, e fez a alegria dos cerca de 55 mil torcedores que foram se despedir daquela que foi a casa dos 'Colchoneros' por 51 anos.

Mesmo com o terceiro lugar, que leva diretamente à fase de grupos da Liga dos Campeões, já garantido e sem chances de melhorar na tabela, o 'Atleti' se esforçou para conquistar a vitória e dar adeus ao Calderón em grande estilo, antes de se mudar para o Wanda Metropolitano.

O estádio ainda será usado uma última vez, mas sem a equipe anfitriã. No próximo sábado, será sede da final da Copa do Rei, entre Barcelona e Alavés.

Para o Athletic, o revés representa seis dias de ansiedade. A equipe basca terminou o Espanhol na sétima colocação, com 63 pontos, um a menos que a rival Real Sociedad, e ficou fora da zona de classificação para a Liga Europa. Entretanto, caso o Barça seja leve a melhor no Calderón no próximo fim de semana, será aberta uma nova vaga no torneio continental, que ficará com o time de Bilbao.

Torres abriu o placar logo aos oito minutos de bola rolando, finalizando após passe de Griezmann. Três minutos depois, tocou de meia bicicleta, e o centroavante aumentou a vantagem.

Outrora chamado de 'El Niño', o agora experiente Torres foi o segundo maior artilheiro da história do estádio, atrás apenas de outra lenda do Atlético, José Eulogio Gárate, dono de três títulos do Campeonato Espanhol e dois da Copa do Rei com a camisa 'rojiblanca', que vestiu nas décadas de 60 e 70.

Iñaki Williams, que entrou no decorrer do confronto, diminuiu aos 26, mas não foi capaz de estragar a festa dos torcedores locais. Aos 44, Ángel Correa balançou a rede e teve a honra de marcar o último gol dos 'Colchoneros' no Vicente Calderón.

Nos instantes finais, ainda houve uma homenagem ao volante Tiago, que fez sua despedida do Atlético. Ele foi substituído justamente por Correa e, bastante aplaudido, chorou copiosamente ao deixar o gramado.

A Real Sociedad conquistou a sexta posição de maneira emocionante, com um empate com o Celta de Vigo em 2 a 2 no Balaídos. Os donos da casa fizeram 1 a 0 aos nove minutos do segundo tempo, com gol de pênalti de Iago Aspas, e Oyarzabal empatou aos 37.

A parte final do duelo foi eletrizante. Hjulsager desempatou para o Celta aos 45, e ia deixando os visitantes em sétimo lugar, mas Juanmi deixou tudo igual aos 49 e selou a classificação para a Liga Europa.

O outro representante da Espanha já confirmado na competição internacional é o Villarreal, que confirmou a quinta posição ao fazer 3 a 1 sobre o Valencia no Mestalla.

Soldado, ex-jogador dos donos da casa, fez 1 a 0 para o 'Submarino Amarelo'. Nani empatou, mas Trigueros e Sansone confirmaram o triunfo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo