Esporte

Estádios não serão mais "arenas" na Turquia, determina presidente

REUTERS/Murad Sezer
Tayyip Erdogan, presidente da Turquia Imagem: REUTERS/Murad Sezer

26/05/2017 16h38

Istambul, 26 mai (EFE).- O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, afirmou nesta sexta-feira que deu instruções para que nenhum estádio do país tenha no nome a palavra "arena", uma medida que afetará Besiktas e Galasataray.

"Sou contra as arenas. Vocês sabem o que era feito nas arenas, não: As pessoas eram desmembradas por animais", explicou Erdogan em discurso, citando as arenas da época da Roma antiga.

"Não existe essa palavra no nosso idioma. Olhem a definição. Não pode ver algo assim", completou Erdogan.

O presidente revelou que ordenou que o ministro de Esportes mande retirar a palavra "arena" dos nomes de todos os estádios.

A ordem vai afetar Besiktas e Galatasaray, que jogam na Vodafone Arena e Türk Telekom Arena, respectivamente.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo