Esporte

Thiago Braz não acerta salto na etapa de Eugene da Liga de Diamante

27/05/2017 20h00

Redação Central, 27 mai (EFE).- Thiago Braz, campeão olímpico do salto com vara, não conseguiu registrar marca neste sábado, durante a etapa da Liga de Diamante, disputada em Eugene, nos Estados Unidos, em dia que teve o britânico Mo Farah brilhando nos 5 mil metros.

O brasileiro, que tem como principal desempenho salto em 5m60, tentou duas vezes ultrapassar a barreira dos 5m56. Na terceira vez em que foi para a pista, Braz subiu o sarrafo para 5m71, mas acabou errando novamente, sendo eliminado da disputa.

A vitória foi do americano Sam Kendricks, que saltou para 5m86. A prata ficou com o francês Renaud Lavillenie, e o bronze com o polonês Piotr Lisek. Ambos saltaram para 5m81, mas o grande rival de Braz nos Jogos Olímpicos levou a melhor pelo menor número de tentativas.

Nos 5 mil, Mo Farah venceu com o tempo de 13min00s70, o melhor estabelecido para a distância neste ano no mundo. A segunda posição ficou com o etíope Yomif Kejelcha, com 13min01s21, e a terceira com o queniano Geoffrey Kamworor, com 13min01s35.

Outro grande destaque deste sábado foi o americano Christian Taylor, campeão olímpico em Londres, em 2012, e no Rio de Janeiro, no ano passado, que venceu a prova do salto triplo. A melhor tentativa do atleta foi de 18m11, apenas dez centímetros do recorde pessoal. O também saltador da casa Will Claye ficou com a prata, com 18m05, e o chinês Bin Dong foi terceiro, com 17m27.

A sul-africana Caster Semenya, que também saiu da capital fluminense com o ouro no peito, venceu a disputa dos 800 metros rasos, com 1min57s78. Apenas um décimo atrás, com 1min57s88, ficou a queniana Margaret Nyairera Wambui. Francine Niyonsaba terminou na terceira posição.

As grandes decepções do dia vieram nos 100 metros rasos masculino, com o canadense Andre de Grasse ficando em quarto, com 9s96, e o americano Justin Gatlin cruzando a linha de chegada logo atrás, com 9s97. A vitória foi de outro velocista dos Estados Unidos, Ronnie Baker, com 9s86.

A jamaicana Elaine Thompson, por sua vez, foi batida nos 200 metros rasos, ao terminar prova em 21s98, e ficar atrás da americana Tori Bowie, que venceu com 21s77, e Shaunae Miller-Uibo, segunda colocada, com 21s91.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo