Topo

Esporte

Promotor pede prisão de atacante do Gimnasia por homicídio culposo

31/05/2017 16h52

Buenos Aires, 31 mai (EFE).- Um promotor argentino pediu nesta quarta-feira três anos de prisão para Mauro Matos, atacante do Gimnasia La Plata, acusado de homicídio culposo pela morte de um motociclista em um acidente ocorrido em agosto de 2016.

O promotor da Unidade de Homicídios Culposos, Walter Jurado, também solicitou que Matos perca o direito de dirigir por dez anos, seja obrigado a fazer cursos de reciclagem e participe de tarefas comunitárias, informou a agência oficial "Télam".

O incidente ocorreu em 8 de agosto de 2016, quando o artilheiro, na época jogador do Newells Old Boys, atropelou um motociclista com sua caminhonete. A vítima morreu no local do acidente.

O pedido do promotor será analisado por um tribunal.

Mais Esporte