Esporte

Técnico do Estudiantes deixa cargo após derrota para time da 4ª divisão

12/06/2017 17h59

Buenos Aires, 12 jun (EFE).- O técnico Nelson Vivas foi demitido nesta segunda-feira do Estudiantes, da Argentina, depois de derrota para o modesto Pacífico, da quarta divisão do Campeonato Argentino, por 3 a 2, pela copa nacional.

O próprio clube divulgou que, em reunião após a partida, informou que não renovaria o contrato do comandante da equipe e que pediu para que ele comandase os três últimos jogos no campeonato nacional, o que o ex-zagueiro recusou.

"Diante esta situação, o técnico decidiu que o melhor para o clube e para os jogadores era não seguir nas funções", afirma comunicado publicado no site do Estudiantes.

Com a saída do comandante, o técnico da equipe reserva, Lucas Nardi, ficará como interino até o fim da temporada.

Em 16 meses no comandado do clube de La Plata, Vivas, de 47 anos, trabalhou em 57 partidas, conquistnado 29 vitórias, empatnado 15 vezes e sofrendo 13 derrotas.

Na Taça Libertadores, o Estudiantes disputou o grupo 1, ficando na terceira posição, atrás de Botafogo e Barcelona. Com isso, a equipe disputará agora a sequência da Copa Sul-Americana.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo