Esporte

Legislação espanhola pressiona CR7 a confessar fraude, diz jornal português

17/06/2017 09h39

Lisboa, 17 jun (EFE).- A legislação da Espanha pressiona Cristiano Ronaldo para que confesse ao Ministério Público de Madri ter cometido fraude fiscal, disse neste sábado o jornal português "Expresso", já que, se o fizer, sua possível pena seria substancialmente reduzida "para dois anos de prisão".

"Na prática, significa que, se confessasse, Ronaldo deixaria de se arriscar a uma pena de prisão efetiva e passaria a estar sujeito apenas a penas em suspensão (que não seriam cumpridas)", diz a publicação em relação à denúncia do Ministério Público de que o jogador fraudou 14,7 milhões de euros de forma "consciente" e "voluntária".

Estas acusações poderiam se traduzir em uma multa de mais de 28 milhões de euros e em uma pena de prisão "de no mínimo sete anos" para o atacante do Real Madrid, segundo o "Expresso".

"Ronaldo poderia assim ser pressionado para apostar no garantido", acrescenta o jornal, que ainda lembrou que, para isso, o jogador "deverá engolir" todas as declarações nas quais negou que tivesse cometido qualquer tipo de fraude fiscal.

Diante desta situação, a defesa do craque português "já tem a argumentação preparada", que será baseada na máxima de que ele "não sabe, nunca soube e nem poderia saber (das fraudes)".

Sobre esta questão, o "Expresso" destacou que Cristiano Ronaldo "se enfureceu com sua equipe de assessores quando soube que estava sendo investigado".

Além disso, o jornal disse que a acusação formal pode ter mais consequências pessoais a curto prazo, já que o astro português "admite sair da Espanha e encerrar sua carreira em outro país por se sentir tratado de forma injusta pelos espanhóis e pela falta de proteção do Real Madrid" neste caso.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo