Esporte

Brasileiro defende sua candidatura ao Comitê Paralímpico Internacional

20/06/2017 13h22

Redação Central, 20 jun (EFE).- O brasileiro Andrew Parsons, ex-presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e atual vice-presidente do Comitê Paralímpico Internacional (IPC), disse ter "o conhecimento e a paixão" suficientes para comandar o órgão e "maximizar" o potencial de seu esporte.

Em comunicado divulgado nesta terça-feira, após Parsons ter anunciado que será um dos quatros candidatos à presidência do IPC, o brasileiro defendeu que o novo líder da entidade seja "alguém que ofereça uma liderança forte e inclusiva, e que tenha uma visão clara sobre o potencial única do esporte paralímpico e sua capacidade de inspiração".

Parsons terá como adversários o canadense Patrick Jarvis, o dinamarquês John Petersson e a chinesa Haidi Zhang. As eleições estão marcadas para os dias 7 e 8 de setembro, em Abu Dhabi. Quem vencer substituirá o britânico Phil Craven, que comanda o órgão desde 2001.

Após elogiar o trabalho de Cravan, Parsons indicou no comunicado que é "vital" que o IPC siga trabalhando em benefício de todos os atletas paralímpicos e sua "grande família" de parceiros.

Parsons foi membro executivo e vice-presidente do IPC, presidente do Comitê Paralímpico das Américas, e também fez parte do Comitê Organizador dos Jogos do Rio de Janeiro, em 2016.

"Essa experiência significa que tenho tanto o conhecimento como a paixão requerida para representar as necessidades de nossos atletas, maximizar o enorme potencial do esporte paralímpico e fazer que o IPC avance", afirmou o brasileiro no comunicado.

"Se eu for escolhido, quero garantir que o IPC seja uma organização inclusiva, dinâmica e justa, que trabalha a favor dos 178 comitês paralímpicos nacionais, federações internacionais e regionais, e que situa os atletas no centro de seu pensamento e das suas atividades", completou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo