Esporte

Tribunal londrino decreta falência do ex-tenista Boris Becker

21/06/2017 11h51

Londres, 21 jun (EFE).- Um tribunal de Londres, na Inglaterra, decretou nesta quarta-feira a falência do alemão Boris Becker, vencedor de seis títulos de Grand Slam e ex-técnico do sérvio Novak Djokovic.

Os advogados do ex-jogador, de 49 anos, chegaram a pedir uma última oportunidade perante ao juiz, especializado em casos deste tipo. Becker era cobrado para pagar uma dívida que contraiu para hipotecar mais uma vez uma propriedade em Maiorca, na Espanha.

A defesa do alemão apontou que havia "provas evidentes" que o valor, adquirido em empréstimo junto ao banco privado Arbuthnot Latham & Co, que giraria em torno de 6 milhões de euros (R$ 22,1 milhões) poderia ser quitado, a partir de um refinanciamento.

Ainda assim, o tribunal considerou Becker insolvente, às 11h23 local (7h23 de Brasília).

Christine Derrett, chefe de registro civil, encarregada pelo caso, disse ter acompanhado a carreira do alemão como tenista e que via a sentença "com muita dor", mas não deixou de fazer um diagnóstico sobre a situação do ex-tenista.

"Tenho a impressão que estamos perante um homem com a cabeça enterrada na areia", lamentou.

Becker, que aposentou a raquete em 1999, foi técnico de Djokovic por três anos. Além disso, atuou recentemente como comentarista de tênis na emissora britânica "BBC", em jogos pelo torneio de Wimbledon.

Em 2002, o alemão foi condenado a dois anos de prisão, ficando em liberdade condicional, e a pagar 500 mil euros (R$ 1,84 milhão), por sonegação fiscal entre os anos de 1991 e 1993.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo