Esporte

Em alta no Brasileirão, Corinthians encara novato colombiano na altitude

27/06/2017 19h05

(Corrige primeiro parágrafo).

Bogotá, 27 jun (EFE).- O Corinthians, cada vez mais líder do Campeonato Brasileiro, volta as atenções para a Copa Sul-Americana nesta quarta-feira, quando visitará o Patriotas, da Colômbia, pela ida da segunda fase, em partida marcada para começar às 21h45 (de Brasília).

O time paulista embarca para o confronto, que acontecerá no estádio La Independencia, em Tunja, localizado a 2.810 metros acima do nível do mar, depois de conquistar importantes três pontos na vitória sobre o Grêmio por 1 a 0, em Porto Alegre, pela décima rodada da competição nacional.

Com o resultado positivo do último domingo, o Corinthians chegou aos 26 pontos no Brasileirão, quatro a mais que o próprio Tricolor gaúcho. A vantagem para o Flamengo, terceiro na tabela, e para o Palmeiras, quarto, já é de nove e dez pontos, respectivamente.

O Timão, que passou pela Universidad do Chile na primeira fase da Sul-Americana, não manterá, no entanto, o mesmo 11 que derrotou o Grêmio. Jadson, autor do gol da vitória, o meia e Maycon e o atacante Jô sequer viajaram para a Colômbia.

Os substitutos deverão ser Marquinhos Gabriel, Camacho e Kazim, respectivamente. Na lateral-esquerda, Guilherme Arana deverá ser poupado, já que é um dos jogadores que mais atuaram na temporada, dando lugar assim a Moisés.

O desconhecido Patriotas, que foi fundado em 2003, chegou à elite do Campeonato Colombiano oito anos depois. Na temporada passada, o clube, sediado no departamento de Boyacá, teve uma das melhores campanhas nos torneios Apertura e Finalización, garantindo vaga inédita na Sul-Americana.

Na primeira fase da competição continental, o time vermelho, branco e verde passou pelo Everton, do Chile. Após perder fora de casa por 1 a 0, a equipe devolveu o placar na volta, com gol do meia Larry Vásquez, para depois levar a melhor nos pênaltis, por 4 a 3.



Prováveis escalações:

Patriotas: Villete, Gómez, Cabezas e Petrel; Larry Vázquez, Carreño, Arboleda, Omar Vázquez e Loaiza; Medina e Valoyes. Técnico: Diego Corredor.

Corinthians: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Moisés; Gabriel, Camacho, Marquinhos Gabriel e Rodriguinho; Romero e Kazim. Técnico: Fábio Carille.

Árbitro: Mario Díaz de Vivar (Paraguai), auxiliado pelos compatriotas Eduardo Cardozo e Milcíades Saldivar.

Estádio: La Independencia, em Tunja (Colômbia).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo