Esporte

Vice-líder do Brasileirão, Grêmio estreia no mata-mata da Libertadores

03/07/2017 20h32

Buenos Aires, 3 jul (EFE).- Com a atenção dividida entre o Campeonato Brasileiro e a Taça Libertadores, o Grêmio iniciará a campanha no mata-mata do torneio da Conmebol no estádio Malvinas Argentinas nesta terça-feira enfrentando o Godoy Cruz, que espera continuar fazendo história depois de ter sido a primeira equipe da província de Mendoza a se colocar entre as 16 melhores do continente.

Até agora, o Tricolor vem se dando bem atacando em duas frentes. O time dirigido por Renato Gaúcho fez a terceira melhor campanha da fase de grupos, com quatro vitórias, um empate e uma derrota em uma chave que tinha Guaraní, Deportes Iquique e Zamora. Além disso, após 11 rodadas, é o vice-líder do Brasileirão, com 22 pontos, atrás apenas do Corinthians, com 29.

No nacional, o Imortal vem de duas derrotas por 1 a 0, uma justamente contra o Timão e outra para o Palmeiras, no último sábado. Nessa ocasião, Renato optou por escalar reservas, de olho no compromisso desta terça.

Diante do 'Tomba', a equipe de Porto Alegre, que ficou com a taça em 1983 e 1995, tenta quebrar um pequeno jejum. Nas duas últimas vezes em que participou da Libertadores, em 2014 e 2015, o Grêmio caiu nas oitavas diante de adversários argentinos, diante de San Lorenzo e Rosario Central, respectivamente.

O Godoy Cruz já fez história ao chegar às oitavas, mas sonha continuar avançando e para isso contará, neste jogo de ida, com o goleiro e capitão Rodrigo Rey, que está de saída rumo ao PAOK Salônica, da Grécia.

"Falei com a diretoria que, se é para sair, que seja após o jogo desta terça porque o principal para mim sempre foi disputar esta partida", declarou Rey.

A única dúvida do treinador Lucas Bernardi, esta na lateral esquerda, em que Angileri pode ter de dar lugar a Cobos. No ataque, o time argentina conta com o uruguaio Santiago García, que em 2011 foi contratado como promessa pelo Atlético-PR, mas não vingou.

O Godoy Cruz foi o segundo colocado do grupo 6 da Libertadores, com 11 pontos, ficando atrás do Atlético-MG (13) e à frente de Libertad (6) e Sport Boys (2). Quem se classificar terá pela frente nas quartas o Nacional do Uruguai ou o Botafogo.



Prováveis escalações:.

Argentina: Rey; Abecasis, Galeano, Olivarez e Angileri (Cobos); Henríquez, González e Giménez; Garro, Correa e García. Técnico: Lucas Bernardi.

Grêmio: Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Cortez; Arthur, Michel e Ramiro; Luan, Pedro Rocha e Barrios. Técnico: Renato Gaúcho

Árbitro: Víctor Hugo Carrillo (peru), auxiliado pelos compatriotas Jonny Bossio e Coty Carrera.

Estádio: Malvinas Argentinas, em Mendoza (Argentina).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo