Esporte

Agente de atacante francês ameaça PSG com permanência indesejada no clube

19/07/2017 13h30

Paris, 19 jul (EFE).- O atacante francês Hatem Ben Arfa pode ficar no Paris Saint-Germain, apesar do desejo do clube de dispensá-lo, conforme ameaçou nesta quarta-feira, em entrevista publicada no jornal "Le Parisien", o agente do jogador, Michael Ouazine.

"Se não chegarmos a um entendimento com o PSG, e se o desprezarem, Hatem ficará", garantiu o representante.

Ouazine revelou que houve reunião com o diretor-esportivo do clube, o português Antero Henrique. O dirigente teria dito que Ben Arfa "estava livre para ir embora, mas, sem direito a receber qualquer indenização".

Segundo o agente do atacante, isso significa que o cliente tenha que aceitar "ir embora com uma mão na frente, e a outra atrás", embora ainda haja vínculo contratual até 30 de junho de 2018.

"Não se trata assim as pessoas, não estamos na república das bananas", disse Ouazine.

O representante do atacante ainda admitiu contato do Fenerbahçe por Ben Arfa, mas, que pediu para que o clube turco procurasse o atual detentor dos direitos econômicos do jogador.

"Se uma equipe quer a Hatem, deve se dirigir ao PSG ", concluiu. EFE

ac/bg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo