Topo

Tênis

Morre o tenista australiano Peter Doohan, "o demolidor de Becker"

Chris Cole/Getty Images
O tenista Peter Doohan, em 1987, em Wimbledon Imagem: Chris Cole/Getty Images

22/07/2017 07h54

O tenista australiano Peter Doohan morreu aos 56 anos em decorrência de uma doença do neurônio motor que tinha sido diagnosticada há nove semanas, segundo informou neste sábado a Federação de Tênis da Austrália.

Doohan ganhou o apelido de "The Becker Wrecker" ("O demolidor de Becker") em 1987, quando venceu o campeão alemão Boris Becker na segunda rodada de Wimbledon por 3 sets a 1 (parciais de 7-6, 4-6, 6-2, 6-4) e frustrou então sua intenção de defender o título no prestigiado torneio inglês.

Durante sua carreira, o australiano conquistou um torneio ATP no individual o Aberto da África do Sul, e outros cinco em duplas.

A melhor posição que alcançou no ranking internacional de individuais foi a 43ª, precisamente no ano que lhe batizaram como "The Becker Wreker".

"Após sua aposentadoria, Peter foi treinador nos Estados Unidos (...) A comunidade do ténis acolheu Peter durante sua batalha contra uma forma particularmente agressiva de doença do neurônio motor que lhe foi diagnosticada há apenas nove semanas", declarou a federação australiana.

Seu funeral acontecerá na sua cidade natal, Newcastle, em Nova Gales do Sul, em uma data que ainda não foi confirmada.
 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!