Topo

Esporte

Torcedor do Barça, técnico do Saint-Étienne fica dividido sobre Neymar no PSG

28/07/2017 18h01

Paris, 28 jul (EFE).- O técnico Óscar García, que se formou como jogador na base do Barcelona e recém-contratado pelo Saint-Étienne, admitiu que a possível ida de Neymar para o Paris Saint-Germain seria boa para o Campeonato Francês, mas ruim para o clube de coração.

"Eu gostaria que ele ficasse, porque sigo sendo torcedor do Barcelona", brincou o comandante, em entrevista à Agência Efe.

Ex-atacante 'blaugrana', com passagem como treinador pelo juvenil do clube, García afirmou que o atacante mudaria o nível do Francês, se o PSG concretizasse a transferência, com pagamento de multa rescisória, avaliada em 222 milhões de euros (R$ 820,46 milhões).

"A competição tomaria outra dimensão. Se Neymar vier, será uma liga acompanhada mais de perto por todos", disse o espanhol, que elogiou o crescimento recente da liga do país.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte