Topo

Esporte

Del Bosque diz botar a mão no fogo por dirigente espanhol preso por corrupção

29/07/2017 19h12

Madri, 29 jul (EFE).- O técnico campeão mundial com a Espanha, Vicente del Bosque, deu voto de confiança neste sábado ao presidente suspenso da federação do país (RFEF), Ángel María Villar, preso na semana passada acusado de corrupção.

"Ponho a mão no fogo por Villar. Espero que não aconteça nada, pelo bem do futebol, às pessoas envolvidas, que alguns, já se encarregaram de linchar", garantiu o ex-jogador e comandante do Real Madrid, em entrevista à emissora "COPE".

Del Bosque afirmou que não gosta que "ninguém esteja nesta situação", e que confia na honestidade das pessoas, enquanto não haja provas que digam o contrário.

"Fico preocupado com a situação da federação", disse o técnico, que se aposentou depois da Copa do Mundo de 2014.

As acusações contra Villar apontam para o cometimento dos crimes de administração desleal, apropriação indébita, corrupção, falsificação de documentos e possível ocultação de bens, todos relacionados com a organização de partidas da seleção espanhola masculina.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte