Esporte

Ronaldinho diz estar velho para jogar e que abrirá escolas de futebol

Orlando Sierra/AFP
Ronaldinho durante evento em Honduras Imagem: Orlando Sierra/AFP

29/07/2017 06h31

Ronaldinho Gaúcho disse na sexta-feira em entrevista coletiva em Honduras que está velho para continuar como jogador profissional e anunciou que abrirá escolas de futebol no mundo todo.

"Já estou velho, é muito difícil deixar o futebol (para) nós que jogamos porque é o que mais amamos fazer", afirmou Ronaldinho em uma coletiva de imprensa em Tegucigalpa.

O campeão do mundo com a seleção brasileira em 2002 anunciou que, após tantos anos ligados ao esporte profissional, quer "abrir escolas de futebol no mundo todo".

Ao ser perguntado sobre os melhores momentos da sua carreira, o jogador afirmou que gosta de "tudo" o que o futebol lhe deu.

"Não fiz muitos gols, mas os que fiz todos foram bonitos", apontou Ronaldinho quando foi perguntado sobre seu gol favorito.

Ele assegurou que chegou "pronto" a Honduras para jogar no domingo uma partida de exibição com as equipes locais Motagua e Real España, conhecida como "Partida pela Paz", onde disputará um tempo com cada time.

Ronaldinho disse que espera que os hondurenhos assistam à partida no Estádio Nacional de Tegucigalpa e que no futuro retornem aos estádios das dez equipes que participam da Liga Profissional de Honduras, dos quais muitos torcedores se afastaram por fatos violentos.

"Espero que todos vão ao estádio, será uma grande festa, esperamos vocês", enfatizou Ronaldinho, de 37 anos, que neste sábado compartilhará as suas experiências no futebol com um grupo de crianças em um acampamento.

De tarde, Ronaldinho estará em um hotel de Tegucigalpa para assistir a o clássico Real Madrid x Barcelona com um grupo de convidados selecionados.

O brasileiro destacou que em fevereiro passado foi nomeado como novo embaixador do Barcelona, cargo em que permanecerá durante os próximos dez anos.

Com o Barcelona, o jogador, que também visitará El Salvador em agosto, conquistou dois títulos espanhóis e uma Liga dos Campeões, além de uma Bola de Ouro.

Ronaldinho também jogou na seleção brasileira e nos clubes Grêmio, Paris Saint-Germain, da França; Milan, da Itália; Flamengo, Fluminense e Atlético Mineiro; além do Querétaro, do México, e é embaixador do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo