Esporte

Márquez acerta na estratégia, vence em Brno e aumenta vantagem no Mundial

06/08/2017 13h05

Brno (República Tcheca), 6 ago (EFE).- Com uma aula de estratégia em conjunto com a equipe, o espanhol Marc Márquez venceu o Grande Prêmio da República Tcheca de MotoGP neste domingo, liderando uma dobradinha da Honda, e aumentou a vantagem na liderança da temporada.

No circuito de Brno, todos os pilotos largaram com pneus para chuvano por motivos de segurança. Mas ao final da segunda volta, Márquez, atual campeão e dono de três títulos da principal categoria da Motovelocidade, trocou de moto para uma com configurações para pista seca.

Antecipando-se aos concorrentes, o dono da moto número 93 não permitiu que copiassem sua tática, algo que aconteceu no GP da Argentina, em abril, e obteve, com tranquilidade, a terceira vitória no ano, a segunda seguida.

Pedrosa, por sua vez, demorou um pouco a mais para abandonar os pneus de chuva, mas contou com o bom rendimento da Honda para se distanciar dos concorrentes e chegar em segundo lugar. Quem completou o pódio foi o também espanhol Maverick Viñales (Yamaha), na terceira posição.

Na luta pelo tetra, Márquez foi a 154 pontos no Mundial, 14 a mais que Viñales, segundo colocado. Após ter recebido a bandeirada, o tricampeão apontou os dedos para o alto em homenagem ao compatriota Ángel Nieto, dono de 13 títulos mundiais, morto na última quinta-feira.

Os italianos Andrea Dovizioso (Ducati) e Valentino Rossi (Yamaha), que tinham chances de terminar o fim de semana na liderança geral, ficaram um pouco mais para trás. 'Vale' cruzou a linha de chegada em quarto e tem 132 pontos, um a menos que o compatriota, sexto do dia.

Líder da temporada da Moto2, o ítalo-brasileiro Franco Morbidelli (Marc VDS Kalex) está mais pressionado. Ele ficou apenas com a oitava posição em Brno e foi a 182 pontos, contra 165 do suíço Thomas Lüthi (Intervetten Kalex), que venceu a corrida e se mantém firme em segundo no campeonato.

Na Moto3, o espanhol Joan Mir conquistou a sexta vitória no ano, a segunda consecutiva, e aumentou a diferença para os concorrentes no Mundial. O piloto da Leopard Honda foi a 190 pontos, 42 a mais que o vice-líder, o italiano Romano Fenati (Ongetta Honda).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo