Esporte

Deixar Mbappé na reserva foi decisão do clube, diz técnico do Monaco

13/08/2017 16h04

Redação Central, 13 ago (EFE).- O técnico do Monaco, o português Leonardo Jardim, esclareceu que deixar o atacante Kylian Mbappé no banco de reservas na vitória sobre o Dijon por 4 a 1 neste domingo foi uma decisão da diretoria do clube do principado.

Jardim preferiu não entrar em detalhes, mas admitiu que a opção de não mandar a campo o jovem atacante, que está com o futuro em aberto e pode se transferir para o Paris Saint-Germain, não foi técnica.

"A partida acabou se colocando fácil e não precisamos que ele entrasse. Preferimos dar minutos a outros jogadores", explicou o treinador após a partida no estádio Gaston Gérard.

Com Mbappé como espectador, o atual campeão francês contou com três gols de Falcao e um de Jemerson para chegar a duas vitórias em dois jogos no campeonato.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo