Esporte

Hamilton sobra em Monza, vence e assume liderança isolada do Mundial

03/09/2017 10h57

Monza (Itália), 3 set (EFE).- O britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, assumiu neste domingo a liderança do Campeonato Mundial de Fórmula 1, ao vencer o Grande Prêmio da Itália, disputado no circuito de Monza, de ponta a ponta, em prova que o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari antigo primeiro colocado da tabela, foi terceiro.

Depois do caos instaurado no sábado, em que a chuva foi a grande protagonista, no entanto, sem tirar do dono do carro número 44 a pole position, a corrida de hoje aconteceu com pista seca, o que deixou ainda mais fácil o trabalho do três vezes campeão mundial.

Com o resultado, Hamilton chegou aos 238 pontos, contra 235 de Vettel, assumindo a ponta do Mundial de maneira isolada pela primeira vez. Antes, o britânico havia dividido a liderança com o alemão depois de vencer o GP da China, segunda etapa da competição.

Esta foi a quarta vitória do piloto da Mercedes no Grande Prêmio da Itália. Com isso, ele só está atrás do alemão Michael Schumacher, "rei" de Monza, por ter cruzado cinco vezes na primeira posição. Ontem, Hamilton superou uma histórica marca do heptacampeão, ao chegar a 69ª pole position, maior número da categoria.

O finlandês Valtteri Bottas chegou na segunda colocação em Monza, indo assim aos 197 pontos. Esta foi apenas a terceira dobradinha da Mercedes na temporada, depois dos GPs do Canadá e Grã-Bretanha, em que Hamilton sempre chegou na frente, como hoje.

Eleito por seguidores da Fórmula 1 nas redes sociais como o melhor da prova, o australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, ficou fora do pódio, mas comemorou muito a quarta colocação, já que havia largado em 16º, devido punição sofrida por troca na unidade de potência.

Na quinta colocação chegou o finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, seguido pelo francês Esteban Ocon, da Force India, que saiu em terceiro no grid, chegou a pular para segundo, mas não resistiu aos ataques dos pilotos donos de carros mais constantes.

Os dois carros da Williams ficaram na sétima e oitava posições, respectivamente, com o canadense Lance Stroll e Felipe Massa, que fez corrida discreta. O mexicano Sergio Pérez, da Force India, e o holandês Max Verstappen, da Red Bull, completaram a zona de pontuação.

A próxima etapa do Campeonato Mundial de Fórmula 1 acontecerá no dia 17 de setembro, com o Grande Prêmio de Cingapura, no circuito de Marina Bay.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo