Esporte

Em busca do bi, Chapecoense tem ligeira vantagem contra Fla na Sul-Americana

19/09/2017 14h20

Rio de Janeiro, 19 set (EFE).- Após terem ficado no 0 a 0 em Santa Catarina na semana passada, Flamengo e Chapecoense decidirão um dos classificados para as oitavas de final da Copa Sul-Americana nesta quarta-feira no estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro, com uma pequena vantagem a favor da atual campeã.

A Chape, que no ano passado foi proclamada vencedora do torneio continental após a tragédia aérea na Colômbia, jogará por um empate com gols na Ilha do Governador para se classificar por ter balançado a rede como visitante.

O time catarinense, que vem sendo treinado interinamente pelo ex-zagueiro Emerson Cris, está em situação complicada na temporada, com apenas um ponto de vantagem para a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Porém, ganhou moral no último domingo ao derrotar o Grêmio por 1 a 0 em Porto Alegre, o que o permitiu, ao menos por enquanto, se manter fora das últimas quatro posições.

O triunfo obtido na capital gaúcha serviu para quebrar uma sequência de três derrotas no Brasileirão, que levaram a Chape de concorrente ao G6 a ameaçada de descenso.

Emerson Cris comandou nesta terça-feira o último treino antes da viagem para o Rio. O treinador tem o desfalque do meia Canteros, ex-Flamengo, que sofreu uma lesão muscular na perna direita contra o Grêmio e não apresenta condições de jogo.

"O ambiente que vivemos hoje é de confiança e vamos em busca da vitória. Não adianta ir na busca do empate, temos que entrar em campo pensando em vencer", declarou o volante Moisés Ribeiro.

O Rubro-Negro também vem de vitória no fim de semana. No domingo, também no Luso-Brasileiro, a equipe do técnico Reinaldo Rueda bateu o Sport por 2 a 0, com gols de Guerrero e Éverton Ribeiro. Dessa forma, manteve-se na quinta colocação do campeonato nacional.

Embora as duas equipes estejam separadas por dez pontos no Brasileiro e do maior investimento por parte do Fla, os jogadores rechaçam a possibilidade de se conquistar a vaga nas quartas da Sul-Americana com facilidade.

"A Chapecoense vai entrar em campo pensando em jogar por uma bola, e isso torna a partida muito perigosa. Nosso estilo de jogo se adapta à maneira como eles jogam. Prova disso foi a vitória que conseguiram contra o Grêmio, no Rio Grande do Sul, onde é sempre complicado vencer", alertou Éverton Ribeiro.

O meia-atacante não tem vaga garantida entre os titulares para o duelo desta quarta. Ao contrário, justamente pelo fato de a equipe visitante explorar os contra-ataques, ele provavelmente ficará no banco.

Quem se classificar neste confronto pode ter outro brasileiro pela frente nas quartas, o Fluminense, que venceu a LDU de Quito por 1 a 0 no Maracanã na semana passada e definirá seu futuro na Sul-Americana na quinta-feira, na capital equatoriano.



Ficha técnica:.

Flamengo: Diego Alves; Rodinei, Réver, Rhodolfo e Pará; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego; Berrío, Everton e Guerrero. Técnico: Reinaldo Rueda.

Chapecoense: Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabricio Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro, Lucas Mineiro e Lucas Marques; Alan Ruschel, Wellington Paulista e Túlio de Melo. Técnico: Emerson Cris.

Árbitro: Michael Espinoza (Peru), auxiliado pelos compatriotas Stephen Atoche e Michael Orue.

Estádio: Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo