Esporte

Grêmio e Botafogo se reencontram para definir semifinalista da Libertadores

19/09/2017 16h15

(Corrige segundo parágrafo).

Redação Central, 19 set (EFE).- Protagonistas do duelo mais equilibrado na ida das quartas de final da Taça Libertadores, Grêmio e Botafogo se reencontrarão nesta quarta-feira, agora em Porto Alegre, às 21h45 (de Brasília), após empate sem gols no Rio de Janeiro.

O time que sair de campo vencedor nos 90 minutos, se classificará para encarar Santos ou Barcelona, do Equador. Em caso de empates com gol, os comandados por Jair Ventura conquistarão a vaga. Se a igualdade em 0 a 0 se repetir, haverá disputa de pênaltis.

Assim como aconteceu na partida de ida, na última quarta-feira, o Grêmio chega para a partida com muitas dúvidas para a escalação do 11 inicial, principalmente pelas condições físicas do zagueiro Geromel e do meia-atacante Luan, que se recuperam de lesão.

O defensor, que vem de contusão no músculo adutor da coxa direita, tem boas chances de atuar, mas, caso fique fora, Bressan voltará a ser titular. Já a situação do camisa 7, que tem estiramento no mesmo lugar, é mais complicada. Léo Moura ou Éverton disputam a vaga que seria ocupada pelo jovem promissor.

O lateral-direito Edílson, que deixou o gramado, domingo, na derrota para a Chapecoense por 1 a 0, pelo Campeonato Brasileiro, com dores nas costas, não preocupa. O jogador deve figurar no 11 inicial do Grêmio para o jogo.

A novidade positiva para o técnico Renato Gaúcho é o retorno do volante Michel, que não atuou no Estádio Olímpico Nílton Santos, por estar suspenso. Com a volta do titular, Jaílson deverá ficar no banco de reservas na Arena Grêmio.

O Botafogo, por sua vez, embarcou para Porto Alegre em busca de se garantir pela primeira vez nas semifinais da Libertadores. Em 1963 e 1973, a equipe carioca esteve em fase com o mesmo nome, no entanto, com formato muito diferente ao atual.

Há 21 anos, quando passou da fase de grupos, como agora, o time de General Severiano caiu, justamente diante do Grêmio, depois de empatar em 1 a 1, no Maracanã, e cair por 2 a 0, no Olímpico. O zagueiro Luciano e o meia Carlos Miguel foram os algozes alvinegros.

Jair Ventura não anunciou a escalação para o jogo desta quarta-feira. A principal dúvida é quanto a permanência do chileno Léo Valencia ou a volta de Rodrigo Lindoso, opção que deixaria o time mais fechado para a volta.



Prováveis escalações:.

Grêmio: Marcelo Grohe; Edílson, Geromel (ou Bressan), Kannemann e Cortez; Michel, Arthur, Ramiro, Léo Moura (ou Luan) e Fernandinho; Barrios. Técnico: Renato Gaúcho.

Botafogo: Gatito Fernández; Arnaldo, Carli, Igor Rabello e Victor Luís; Matheus Fernandes, Bruno Silva, Léo Valencia (ou Rodrigo Lindoso) e João Paulo; Roger e Rodrigo Pimpão. Técnico: Jair Ventura.

Árbitro: Patricio Loustau (Argentina), auxiliado pelos compatriotas Juan Belatti e Ezequiel Brailovsky.

Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo