Esporte

Goleiro do Betis fecha o gol, Real perde e não supera marca do Santos de Pelé

20/09/2017 20h26

Madri, 20 set (EFE).- Diante de um goleiro inspirado, o Real Madrid tropeçou no estádio Santiago Bernabéu pela segunda vez nesta edição do Campeonato Espanhol, desta vez com uma derrota para o Betis por 1 a 0 nesta quarta-feira, e não superou a marca do Santos de Pelé de partidas consecutivas balançando a rede dos adversários.

A festa estava armada para que a equipe do técnico Zinedine Zidane superasse um dos inúmeros feitos registrado pelo Peixe entre 1961 e 1962, o de fazer ao menos um gol em 73 jogos seguidos.

Cristiano Ronaldo voltou após ter cumprido suspensão de cinco jogos por ter sido expulso ainda na ida da Supercopa da Espanha, contra o Barcelona, e vazar a defesa de uma equipe que não aparece entre as favotiras ao título em casa não parecia uma missão tão difícil. Entretanto, a chamada "lei do ex" deu o ar da graça em sua versão goleiro.

Antonio Adán, cria das categorias de base dos 'Blancos' e goleiro do time madrilenho até 2013, fez uma das melhores partidas de sua carreira e, com grandes defesas, freou o ataque que vinha sendo o mais regular do mundo, ao menos no número de partidas dando alegrias à torcida. Para piorar, nos acréscimos do segundo tempo, Sanabria marcou em contra-ataque e tirou a invencibilidade dos donos da casa na competição.

Foi o segundo tropeço em casa seguido do Real, que há duas rodadas tinha ficado no empate em 1 a 1 com o Levante. Com isso, o atual campeão espanhol vem apenas na sétima colocação na atual temporada, com oito pontos, atrás inclusive do Betis, que tem nove. A distância para o líder Barcelona vai crescendo, já que os 'Blaugranas' golearam o Eibar por 6 a 1 na terça-feira e foi a 15 pontos, mantendo os 100% de aproveitamento.

A principal ameaça ao Barça, no momento, é o Sevilla, que tem 13 pontos depois de ter batido o Las Palmas por 1 a 0 nesta quarta, no Ramón Sánchez Pizjuán. Paulo Henrique Ganso voltou a ser titular, mas o gol, feito por Jesús Navas, aconteceu quando o meia brasileiro já havia sido substituído por Vázquez.

A terceira colocação, com 11 pontos, é do Atlético de Madrid, que derrotou o Athletic Bilbao por 2 a 1 no San Mamés. Correa e Ferreira-Carrasco abriram 2 a 0 para os 'Colchoneros', e o time basco, que havia perdido um pênalti quando o placar ainda estava em branco, descontou nos instantes finais com Raúl García.

Nos outros jogos desta quarta, o Deportivo La Coruña venceu o Alavés por 1 a 0 no Riazor, com gol do português Luisinho, enquanto Leganés e Girona ficaram no 0 a 0.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo