Esporte

Neymar vai à final do The Best da Fifa com Messi e Cristiano Ronaldo

22/09/2017 11h31

(Atualiza com indicados nas demais categorias).

Londres, 22 set (EFE).- Neymar, o português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi foram indicados nesta sexta-feira como os três finalistas do prêmio The Best, da Fifa, que elegerá o melhor jogador do mundo de 2017.

Os nomes foram revelados em cerimônia de gala realizada em Londres, na Inglaterra, com a presença de antigas ídolos do futebol, com o ucraniano Andriy Shevchenko, o inglês Peter Shilton, entre outros.

Neymar já havia ficado entre os três primeiros em eleição similar há dois anos, quando a Fifa realizada a premiação junto com a revista "France Football". Na ocasião, o agora atacante do Paris Saint-Germain viu Messi vencer a disputa, e CR7 ficar em segundo.

No ano passado, na primeira edição do The Best, o brasileiro ficou fora da final, ao ser o quarto mais votado pelo júri, enquanto o francês Antoine Griezmann, do Atlético de Madrid, foi "intruso" na disputa particular entre o argentino e o português, que desde 2010 se alternar nos dois primeiros lugares.

Campeão europeu com Real Madrid e seleção de Portugal, Cristiano Ronaldo acabou levando a melhor no ano passado, e Messi terminou no segundo posto.

Foram divulgados ainda os finalistas em mais seis categorias, sem qualquer brasileiro. A melhor jogadora do mundo em 2017 sairá de disputa entre a americana Carli Lloyd, que no meio do ano recentemente o Houston Dash pelo Manchester City; a holandesa Lieke Martens, do Barcelona, e a venezuelana Deyna Castellanos, que defendeu Santa Clarita Blue Heat e Florida State Seminoles.

Os candidatos ao prêmio de principal técnico de futebol masculino do planeta neste ano são o francês Zinedine Zidane, do Real Madrid, que encarará dois italianos, Massimiliano Allegri, da Juventus, e Antonio Conte, do Chelsea.

A disputa de comandante de equipes femininas está entre a holandesa Sarina Wiegman, da seleção laranja, a dinamarquesa Nils Nielsen, que comanda seleção do páis escandinavo, além do francês Gerard Precheur, do Lyon.

O prêmio de melhor goleiro do mundo ficará entre o veterano italiano Manuel Neuer, da Juventus, o alemão Manuel Neuer, do Bayern de Munique, e o costa-riquenho Keylor Navas, do Real Madrid.

No Puskas, de gol mais bonito do ano, estão concorrendo o ganês Kevin-Prince Boateng, do Las Palmas, o argentino naturalizado chileno Alejandro Camargo, da Universidad de Concepción, o francês Olivier Giroud, do Arsenal, o francês Moussa Dembelé, do Celtic, o colombiano Avilés Hurtado, do Tijuana, o croata Mario Mandzukic, da Juventus, o sul-africano Masuluke Oscarine, do Baroka, o sérvio Nemanja Matic, do Chelsea, o espanhol Jordi Mboula, do Barcelona, e a venezuela Deyna Castellanos.

As torcidas de Borussia Dortmund, Celtic e Copenhague, além disso, disputam o prêmio destinado a torcidas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo