Esporte

Justiça argentina condena 4 acusados de sequestrar o pai do atacante Tévez

Divulgação
Tevez chega ao Shanghai Shenhua e posa com a camisa do clube Imagem: Divulgação

05/10/2017 14h32

Buenos Aires, 5 out (EFE).- A justiça da Argentina condenou quatro pessoas nesta quinta-feira por participação em dois crimes de sequestro, um deles, do pai do atacante Carlos Tévez, ex-Corinthians e atualmente no Shanghai Shenhua, da China.

Jonatan Romero, Carlos Sebastián Zapata, Sergio Ramón Lugo e Juan Carlos Baeza Portillo foram condenados a penas que variam de cinco a 12 anos de prisão, de acordo com fontes ligadas ao Ministério Público local.

O pai do jogador, Segundo Raymundo Tévez, foi abordado no dia 29 de julho de 2014, por três homens armados, enquanto dirigia o próprio carro. Inicialmente, os criminosos só pediram dinheiro e objetos pessoais, mas, ao pegarem o documento da vítima, reconheceram a vítima e transformaram o caso em sequestro.

Os agora condenados começaram negociação com a família, cobrando 400 mil pesos (R$ 72 mil), como pagamento de resgate. Pouco depois, foi definida a libertação, na cidade de Cidadela, na província de Buenos Aires.

O quarteto foi enquadrado como co-autores de crimes de roubo agravado, privação ilegal de liberdade agravada e sequestro extorsivo, contra mais três pessoas. Outros dois homens foram absolvidos, após o julgamento, por falta de provas.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo