Esporte

Empate com gol de Guerrero leva Peru à repescagem e Colômbia para a Copa

10/10/2017 22h51

Lima, 10 out (EFE).- A Colômbia garantiu sua segunda participação seguida na Copa do Mundo seguida na Copa do Mundo nesta terça-feira, ao empatar com o Peru em 1 a 1 no Estádio Nacional, em Lima, enquanto a seleção anfitriã disputará a repescagem contra a Nova Zelândia.

Em um duelo bastante nervoso e com alguma alternância de domínio, os 'Cafeteros' fizeram 1 a 0, com gol de James Rodríguez. Guerrero, em cobrança de falta, deixou tudo igual, mantendo vivo o sonho dos peruanos de disputarem seu primeiro Mundial desde 1982.

Com o resultado, os colombianos ficaram com a quarta posição das Eliminatórias, com 27 pontos, um a mais que o adversário, que garantiu o quinto lugar por ter tido melhor saldo de gols que o do Chile (+1 a -1).

Na tentativa de retornar à Copa, a equipe da casa jogará contra a Nova Zelândia, vencedora do torneio classificatório da Oceania. As partidas acontecerão em 6 e 14 de novembro.

O Peru contou com os retornos do zagueiro Christian Ramos e dos meias Christian Cueva e Carrillo, que cumpriram suspensão no empate com a Argentina, na última quinta. Na Colômbia, Murillo voltou à defesa, e Duvan Zapata entrou em lugar de Cardona no meio-campo.

Como era de se esperar, a partida foi nervosa desde o começo. Os times não arriscavam, e as chances de gol não foram abundantes. Aos seis minutos do primeiro tempo, após cobrança de escanteio para os visitantes, Murillo cabeceou fraco e o goleiro Gallese encaixou.

Qualquer erro poderia ser fatal, e a Colômbia quase abriu o placar aos 12 minutos, em erro da defesa peruana na saída de bola. James Rodríguez aproveitou e chutou de fora da área. Mesmo com desvio no meio do caminho, Gallese pegou novamente.

Os 'Cafeteros' jogavam como mandantes, controlando o meio de campo e indo ao ataque com mais intensidade. Aos 20, Zapata cruzou da direita e, da marca do pênalti, Falcao furou. O Peru deu o troco um minuto depois e enfim levou perigo, em cabeceio de Guerrero à esquerda do alvo.

Guerrero apareceu novamente aos 28, com bom passe para Flores. A um passo da área, o atacante deu um lindo corte na marcação, mas concluiu sem força. Ospina sequer usou as mãos e controlou com o pé direito.

As principais jogadas da Colômbia nasciam nos lados do campo, como aconteceu aos 32 minutos. Aguillar levantou da esquerda, Duvan Zapata cabeceou e Gallese defendeu firme. Também pela ponta, aos 39, a 'Blaquirroja' incomodou com Cueva, que cruzou para Guerrero cabecear para fora.

A seleção peruana levou perigo logo no primeiro minuto da etapa final, em chute de fora da área de Flores, que foi para fora. Contudo, quem continuou melhor e fez 1 a 0 foi o Colômbia. Aos dez, Ospina deu chutão para frente, Zapata resvalou de cabeça e entregou a Falcao, que ganhou de dois. James Rodríguez pegou a sobra e empurrou para a rede.

O meia do Bayern de Munique, que provocou a torcida na comemoração do gol, voltou a aparecer aos 15, em tentativa de longe. Desta vez, Gallese fez a defesa. Na sequência, aos 22, Cuadrado bateu falta pela linha de fundo.

O momento parecia mais favorável à Colômbia, mas, na bola parada, o Peru empatou, aos 30. Fabra levantou demais a perna em divida com Corzo, e o árbitro brasileiro Sandro Meira Ricci marcou jogo perigoso. A cobrança deveria ter sido feita em dois toques, mas Guerro bateu direto. O lance foi validado porque Ospina desviou antes de a bola entrar.

A equipe anfitriã foi em busca da virada, que a classificaria diretamente, mas não obteve sucesso. Na última grande tentativa, aos 38 minutos, Trauco chutou de longe, de meia esquerda, e Ospina segurou depois de desvio no caminho.

Depois do apito final, não houve no gramado um jogador sequer que não demonstrasse felicidade. Mesmo os peruanos, que terão de encarar a repescagem, se deram por muito satisfeitos.



Ficha técnica:.

Peru: Gallese; Corzo, Ramos, Rodríguez (Araujo) e Trauco; Tapia, Yotún (Ruidíaz), Carrillo (Reyna) e Cueva; Flores e Guerrero. Técnico: Ricardo Gareca.

Colômbia: Ospina; Arias, Murillo, Sánchez e Fabra; Sánchez, Duvan Zapata (Barrios), Aguilar, Cuadrado e James Rodríguez (Chará); Falcao (Moreno). Técnico: José Pekerman.

Árbitro: Sandro Meira Ricci, auxiliado por Emerson de Carvalho e Marcelo Van Gasse.

Cartão amarelo: Carrillo (Peru).

Gols: James Rodríguez (Colômbia); Guerrero (Peru).

Estádio: Nacional, em Lima (Paraguai).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo